Arcebispo católico afirma que parte da culpa por casos de pedofilia cometidos na Igreja é dos pais das crianças

Arcebispo católico afirma que parte da culpa por casos de pedofilia cometidos na Igreja é dos pais das criançasO arcebispo católico Jozef Michalik, presidente da conferência episcopal da Polônia, afirmou que muitos casos de pedofilia poderiam ser evitados se os pais fossem mais presentes na vida de seus filhos.
Segundo Michalik, os casos de divórcio, ou até mesmo casais que não dedicam a devida atenção a seus filhos, exercem influência forte sobre as crianças. “Muitos desses casos de abuso poderiam ser evitados através de um relacionamento saudável entre os pais”, afirmou.
As declarações foram feitas à agência de notícias PAP, na cidade de Varsóvia, após denúncias de casos de pedofilia dentro da Igreja Católica na Polônia, um dos países mais católicos da Europa.
“Muitas vezes ouvimos que esta atitude inapropriada [pedofilia], ou abuso, manifesta-se quando a criança está à procura de amor”, disse Michalik, acrescentando: “A criança apega-se, ela procura. Perde-se em si e arrasta outra pessoa”.
Segundo o site do jornal português A Bola, mesmo afirmando que os pais tem responsabilidade nos casos de pedofilia, o arcebispo ressaltou “que ninguém, nem a Igreja ou qualquer homem da Igreja pode aceitar” que atos como esse sejam cometidos dentro ou fora da denominação.

Comentários

Mensagens populares