Número de ataques terroristas motivados por extremismo religioso pode atingir recorde em 2013

Número de ataques terroristas motivados por extremismo religioso pode atingir recorde em 2013As mortes por terrorismo motivado por questões religiosas pode alcançar um recorde esse ano, segundo uma pesquisa de um instituto financiado pelo governo dos Estados Unidos.
Nos seis primeiros meses de 2013 houve 5.100 ataques terroristas, número que indica que o recorde registrado em 2012, com 8.500 atentados, pode ser superado antes do final deste ano.
Em 2012, 15.500 pessoas morreram por ataques terroristas, enquanto que, em 2011, que também havia sido um recorde antes do ano passado, 12.800 pessoas havia sido vitimadas em 5 mil atentados.
Os principais locais onde são registrados ataques terroristas são países com forte influência do islamismo, como nações africanas, asiáticas e do Oriente Médio, de acordo com o relatório do Consórcio Nacional para o Estudo do Terrorismo e Respostas ao Terrorismo.
De acordo com a CNN, seis dos sete grupos terroristas mais letais são filiados à Al Qaeda, como por exemplo, o Boko Haram da Nigéria, que tem protagonizado cenas de perseguição religiosa intensas contra cristãos do país; e o grupo Al-Shabaab, que organizou um ataque a um shopping de luxo em Nairobi, capital do Quênia, e deixou 67 mortos.
Para localizar ataques como esses, os computadores de um instituto baseado na Universidade de Maryland realizam buscas pela web em mais de 1 milhão e 200 mil artigos, de 50 mil meios de comunicação a cada mês. O software conta com uma ferramenta para identificar e eliminar repetições de informações, o que aumenta a confiabilidade das informações.

Comentários

Mensagens populares