Caça-fantasmas se esfaqueia no peito durante investigação assustadora

O local foi palco do assassinato de seis crianças e dois adultos a machadadas (Reprodução / Metro)
O local foi palco do assassinato de seis crianças e dois adultos a machadadas (Reprodução / Metro)
Um caçador de fantasmas se apunhalou no peito durante uma investigação à noite em uma casaem que seis crianças e dois adultos foram assassinados com um machado em 1912. Robert Laursen, 37 anos, foi levado ao hospital depois de enfiar uma faca em si mesmo na Casa do Assassinato com Machado de Villisca, uma atração turística da cidade que fica no Iowa, Estados Unidos.
Acredita-se que Laursen estava no local realizando uma investigação paranormal juntamente com dois companheiros no momento do acidente. Ele foi tratado da lesão e, como não há indícios de ataque, nenhuma acusação criminal foi feita sobre o caso.
Martha Linn, 77 anos, proprietária do estabelecimento, disse ao Omaha World-Heral que ficou assustada com o incidente. “É uma espécie de choque acordar e ouvir que alguém quase morreu em sua atração turística. Eu não posso imaginar porque alguém faria algo assim consigo mesmo.”
Martha acrescentou que este é o primeiro incidente do tipo em 20 anos de funcionamento. A atração, que foi convertida para a aparência de 1912, sem encanamento ou iluminação elétrica, é comumente visitada por entusiastas do crime na tentativa de resolver o caso, já que o culpado pelos terríveis assassinatos nunca foi descoberto.

Comentários

Mensagens populares