Tábua Ouija soletra ameaças do pós-morte para mulher

A mulher acabou sendo ataca (Reprodução / Mirror)
A mulher acabou sendo ataca (Reprodução / Mirror)
Um aviso do além não conseguiu parar Angela Jackson de “brincar” com uma tábua Ouija e ela logo veio a se arrepender de sua decisão quando passou a receber ameaças de morte do mundo espiritual.
Tudo começou quando Angela recebeu a mensagem de seu pai morto em uma reunião espírita. “Com uma xícara de chá, tomei meu lugar na parte de trás do salão lotado. Uma senhora estava no palco a frente fixou os olhos em mim e cantou a música favorita do meu pai, que faleceu há 20 anos”, revelou ao Mirror. “A canção parou e a médium disse: ‘Seu pai tem um aviso. Você está pensando em usar uma tábua Ouija, mas não deve mexer com isso. Nada de bom virá’. Meu queixo caiu. Ela estava certa sobre o que eu estava pensando.”
Apesar da advertência, Angela seguiu em frente e convidou alguns vizinhos para falar com os mortos. Na noite, o ser soletrou que queria falar com Angela e disse “morra cadela”. Após isso, uma porta bateu e todos pararam “brincar”, mas a mulher seguiu sozinha e perguntou quem era, e viu o copo mover até formar a palavra Satan. Ela gritou “eu não tenho medo, para o inferno com você!” e o copo voou e se espatifou na parede.
Desde o incidente, os amigos se afastaram e ela teve um sonho com um homem lhe atacando com um martelo. Tempos depois, Angela estava saindo para visitar um filho e acabou vendo exatamente o que sonhou. “Atrás de mim, ouvi uma voz: ‘Morra cadela’. Eu congelei e tremendo de medo virei para trás e vi um homem com uma camiseta branca surgir das sombras e acertar minha cabeça com um martelo.”
Angela acordou no hospital com um traumatismo craniano e mesmo após seis anos do incidente a policia nunca conseguiu pegar o agressor. Desde então, a mulher vive com medo. “Eu temo que um dia o homem volte para terminar o trabalho, assim como o espírito havia alertado através do tabuleiro.”

Comentários

Mensagens populares