Onda leva mulher durante ritual religioso

Onda leva mulher na praia da Costa Nova durante ritual religioso


Dez pessoas foram apanhadas pelo mar, esta quinta-feira, cerca das 20 horas, na praia da Costa Nova, em Ílhavo. Quatro caíram à água e três delas foram resgatadas.

Uma mulher de 34 anos, natural de Viseu, está desaparecida.
As três vítimas que caíram ao mar foram transportadas para o Hospital de Aveiro em hipotermia.


Testemunhas ouvidas pela CMTV indicam que o grupo poderia estar a cumprir um ritual espiritual. Já esta noite, as autoridades recolheram no local um conjunto de artefactos que indiciam a prática de um culto a Iemanjá, a Rainha dos Mares e mãe de todos os orixás cujo dia se comemora precisamente a 2 de fevereiro. O culto a Iemanjá é especialmente forte no Brasil, mas por ser uma protectora dos pescadores é realizado igualmente noutras latitudes e também em Portugal. As celebrações à deusa materializam-se no lançamento ao mar de objetos idênticos aos recolhidos na praia da Costa Nova. 
"Tivemos dez pessoas que vieram observar o mar. Quatro aproximaram-se de mais e foram arrastadas. Três delas saíram da água e uma senhora, com 34 anos, está desaparecida", disse à Lusa o comandante da Capitania do Porto de Aveiro.

 

Carlos Isabel referiu que ainda estão a decorrer buscas para tentar encontrar a mulher desaparecida. "Tenho uma lancha a tentar sair à barra, porque está um mau tempo tremendo, e temos policia apeada no local, com viaturas todo-o-terreno", adiantou.
A previsão de agitação marítima levou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) a colocar sob aviso vermelho, a partir do meio da tarde e até à meia-noite, sete distritos do litoral - Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria e Lisboa.
No país há ainda vários avisos laranja e amarelos em vários distritos e algumas zonas das regiões autónomas, devido a agitação marítima, vento e chuva.

Nota:  As buscas continuam a decorrer então logo actualizaremos melhor sobre caso ...

Comentários

Mensagens populares