Ordenados 6 novos padres

Maior número de ordenações dos últimos dez anos em Braga. 
Ordenados seis novos padres

Uma lufada de ar fresco na crise de vocações que tem vindo a varrer a Igreja Católica nos últimos anos. Ontem, o arcebispo primaz de Braga, D. Jorge Ortiga, ordenou seis novos sacerdotes, numa Missa Solene celebrada na Cripta do Santuário do Sameiro. Paulo Jorge Gomes, Fernando Torres, José Pedro Oliveira, Fernando Machado, Rúben Cruz e Vítor Emanuel Sá são os novos presbíteros. Satisfeito por presidir a um número de ordenações acima da média (estes seis representam o maior número dos últimos dez anos em Braga), o arcebispo, que terminou assim a celebração das suas bodas de ouro sacerdotais, lembrou aos novos presbíteros o essencial da vocação sacerdotal nos nossos dias. "Eis o sacerdote para o dia de hoje. Alguém que não é de ninguém para ser de todos, alguém que trabalha e reza, que pertence a Deus, à comunidade, ao presbitério e ao bispo. Esta é a nossa identidade, esta é a razão da nossa alegria", disse ontem D. Jorge Ortiga. Realçando a importância da partilha com os outros padres e da obediência ao bispo da diocese, o prelado sublinhou que o essencial é Cristo. "Pertencer a Cristo é o vérticede um caminho que se constrói todos os dias. O horizonte e a meta é Cristo. Nele, que é a videira, permanecemos unidos, vinte e quatro horas por dia, para assim mostrar os frutos desta união", acrescentou. Para além dos seis sacerdotes da arquidiocese, foi também ordenado Wilson Santos, da Comunidade de Betânea.

Fonte: http://www.cmjornal.pt/

Comentários

Mensagens populares