Polícia Federal apreende imagens de pedofilia em ONG cristã no AM

pornografia, ONG, cristãA Polícia Federal (PF) apreendeu, no final da semana passada, diversas mídias com conteúdo de pornografia infantil em computadores da ONG cristã Missão Novas Tribos do Brasil em Manaus, capital do Amazonas (AM), no norte do país. A maioria das vítimas de um missionário norte-americano eram crianças indígenas. O suspeito foi preso em Orlando, na Flórida, nos Estados Unidos (EUA), em maio deste ano (2013), e admitiu ter molestado, pelo menos, quatro menores de idade.

O caso faz parte da Operação Ímpio, que cumpriu 18 mandatos em Manaus (AM) e Cruzeiro do Sul, no Acre (AC). Uma pessoa de 40 anos foi presa em flagrante e outras seis foram detidas, mas liberadas, após prestarem depoimento. As imagens ilegais eram compartilhadas internacionalmente na internet por meio de redes sociais, fóruns de discussão, grupos de e-mail e programas de compartilhamento de arquivos.
As investigações são sigilosas e estão sendo realizadas em parceria com a agência U.S. Immigration and Customs Enforcement (ICE).
A Polícia Federal ressaltou que o caso envolve apenas este missionário da ONG que já foi preso e que os outros membros da instituição ficaram surpresos com o caso e colaboraram com a Justiça.
No momento da prisão, o missionário portava um computador com vídeos pornográficos, inclusive protagonizados por ele.
A palavra ‘ímpio’, utilizada para denominar a operação, significa impiedade; desprezo pela religião e falta de fé; ofensa a moral e a justiça.
A Organização Não Governamental Missão Novas Tribos do Brasil tem 60 anos de atuação na nação e objetiva “alcançar grupos minoritários com o Evangelho de Cristo, e prestar assistência ‘integral’ nas áreas de saúde, educação e desenvolvimento comunitário”.

Comentários

Mensagens populares