Mensagens

A mostrar mensagens de Maio, 2015

Tábua Ouija: necromancia e invocações demoníacas

Imagem
A Tábua Ouija é um tabuleiro muito simples feito de madeira com as letras do alfabeto, números e as palavras “sim” e “não” impressas ou gravadas nele. Em geral, o tabuleiro é utilizado como um método de necromancia para se comunicar com os mortos ou com os espíritos que vagam pelo plano astral, isto segundo a ideia de muitos... Embora a tábua na total realidade não seja muito conhecida,  nós em Portugal temos como brincadeira, o uso do copo e a da moeda, que funcionam quase da mesma forma.
Em ambas, os participantes do jogo fazem perguntas aos "Espiritos", colocam os dedos indicadores  sobre o objecto e ele se move dando as respostas. Entretanto, é necessário seguir algumas regras e cumprir uma espécie de "ritual" para invocar os espíritos. Existem milhares de histórias que envolvem o uso da tábua de Ouija, sendo que os especialistas em espíritos insistem que ela não deve ser utilizada como um simples jogo infantil. Porém, não há muitas pesquisas científicas que c…

Criança de 5 anos é decapitada durante cerimônia religiosa

Imagem
Feiticeiro acabou sendo linchado pela população
Kali, deusa hindu da morte. A maioria da população da Índia segue o hinduísmo. Em várias partes do país existe perseguição aos cristãos. Contudo, um caso extremo veio reascender naquela nação o debate sobre “liberdade religiosa”. Uma criança foi decapitada durante um ritual. Sanatan Bag, de apenas cinco anos de idade, foi atraído até à casa de Nanu Mirdha. O feiticeiro mantinha um templo improvisado, onde decidiu oferecer a criança como uma oferta à Kali, deusa hindu da morte. A tragédia ocorreu numa pequena aldeia no estado de Assam, nordeste da Índia. Segundo o pai do menino, Sajan Bag, Sanatan foi atraído com chocolates por Mirdha que o decapitou em frente do altar.  Quando a família ficou sabendo do ocorrido, incitou os demais moradores do local.

Charlie: Possessão demoníaca, divulgação de filme ou apenas brincadeira?

Imagem
Charlie: Possessão demoníaca ou brincadeira? Assim como muitas “lendas urbanas”, a brincadeira “Desafio Charlie, Charlie” começou a se espalhar por todo mundo via redes sociais. Em poucos dias, o assunto já gerava polêmicas em diversos países. A ideia de “invocar espíritos” através de jogos é antiga. Anos atrás havia o chamado “jogo do copo”, na Europa e nos EUA é conhecido como o tabuleiro de Ouija. Basicamente todos tentam explorar o mesmo princípio de que existem espíritos de pessoas mortas ao nosso redor e podemos nos comunicar com eles. Contudo, mais que uma versão para o Charlie surgiu. Circulam na internet centenas de vídeo que mostram como funcionaria a invocação. Um lápis ou caneta é cruzado sobre outro e as palavras “sim” e “não” escritas no papel que fica por baixo em forma de cruz. Faz-se perguntas ao “espírito” e a caneta ou lápis cairia sobre a resposta. O espírito que atende pelo nome de Charlie seria o de uma criança mexicana falecida em situação trágica.

Experiências terríveis no Charlie Desafio . o Demonio

Imagem
Experiências terríveis Charlie Charlie Desafio Desafie
Internet foi invadida nas últimas 48 horas, com vídeos de pessoas que são na sua maioria adolescentes, a fim de invocar um demônio mexicano chamado Charlie através da realização de um "antigo ritual mexicano" e que este é necessário e dois lápis um papel. Em apenas dois dias, mais de dois milhões de pessoas já participaram do #CharlieCharlieChallenge chamada.

Como discutimos no nosso artigo "Charlie Charlie Desafio, o jogo diabólico para chamar uma entidade demoníaca em mídia social" começou quando um usuário do Twitter postou um vídeo chamado onde tentando chamar uma entidade demoníaca chamado Charlie. Rapidamente os principais meios de comunicação ecoou esse novo fenômeno viral que na maior parte foi alegado que uma nova fraude na Internet foram feitas. Mas um número crescente de especialistas na área para garantir que esta nova prática aparentemente inofensiva esconde um propósito sinistro, invocar entidade…

Ateus obtém vitória política e ensino do criacionismo é proibido na Escócia

Imagem
Governo escocês tira Deus da sala de aula
Governo da Escócia tira Deus da sala de aula Oficialmente, a maior parte da população da Escócia é formada por cristãos. O país foi berço de um movimento missionário de alcance mundial no início do século 20. Pouco mais de cem anos depois, o percentual de cristãos caiu para pouco mais de 66% em 2001 e no ano passado chegou a 55%. Há muita incerteza entre os membros da igreja. Nas igrejas protestantes (evangélicas), 23% dos entrevistadosdisseram não acreditar que Jesus foi alguém real, enquanto 14% dos membros da Igreja Católica pensam o mesmo. Talvez por isso teve pouca repercussão o fato de o ensinamento sobre o criacionismo ser proibido nas escolas do

Jovens invocam espírito em jogo de perguntas idêntico ao Ouija

Imagem
Jovens invocam espírito em jogo de perguntas Uma nova brincadeira tem se espalhado pelas redes sociais. Jovens invocam demónios para responder dúvidas comuns e compartilham as respostas com os amigos.
O assustador do jogo de inspiração no tabuleiro Ouija, tem levado os jovens de todo o mundo a alegar ter comunicado com o mundo sobrenatural e assustador . Quem tem mais de 20 anos vai se lembrar da brincadeira do compasso onde um espírito era invocado para dar respostas em uma folha de papel, podendo falar sobre inúmeros temas respondendo sim ou não ou apontando para números. "Ouija, jogo do copo ou da moeda tudo o mesmo..." Outro jogo semelhante que levantou muitos debates no Brasil, Portugal e no mundo é a brincadeira do copo, onde um espírito também dava respostas como Sim, Não, Sair e a apontava para os números de 0 a 9 e para as letras do alfabeto que eram registadas num tabuleiro. Agora a moda é invocar o demônio “Charles” cruzando dois lápis e escrevendo na folha não, si…

hashtag provocante se torna viral e causa revolta a cristãos

Imagem
Uma hashtag causoufrisson nas redes sociais na última semana e causou acusações de desrespeito à religião cristã. #QueimaUmaBliblia (escrito errado assim mesmo) entrou no seleto grupo de assuntos mais comentados no Twitter. O autor da ideia aparentemente tinha a intenção apenas de provocar: “Vamos subir a Tag #QueimaUmaBliblia (está errada, não existe Bliblia, portanto não é para queimar nada) Deem RT para Espalhar (Bílbliar)”, escreveu o usuário criador da hashtag. Usuários que se incomodaram com a iniciativa protestaram: “Não entender ou não crer na religião de alguém, tudo bem, agora, desrespeitá-la é horrível… Odiei a ta Queima Uma Bliblia”, escreveu um internauta. Outros internautas, que perceberam tratar-se de uma provocação, criticaram a “brincadeira”: “Desculpas de Ateus, colocar a Tag errada, para justificar uma zueira ridícula. #QueimaUmaBliblia”, disse uma usuária do Twitter. “Talvez você possa #QueimaUmaBliblia (Queima em vão), mas Jesus disse: ‘Passará o céu e a terra, m…

Milagre: durante culto, homem passa mal, morre, pregador ora e ele volta à vida

Imagem
Um pregador e escritor cristão enfrentou duas situações com desfechos diferentes em menos de um ano. Em 2014, um passageiro do voo em que ele estava passou mal e morreu, e os funcionários da American Airlines não deram autorização para que ele orasse. Esse ano, uma situação parecida aconteceu durante um culto, e o resultado foi completamente diferente. Robby Dawkins, autor do livro “Do What Jesus Did: A Real-Life Field Guide to Healing the Sick, Routing Demons and Changing Lives Forever” (“Fazer o que Jesus fez: um guia da vida real para curar doentes, expulsar demônios e mudar vidas para sempre”, em tradução livre do inglês), foi visitar uma pequena igreja no norte da Inglaterra, a convite do pastor. A intenção do pastor era que Dawkins contasse aos fiéis suas experiências pregando o Evangelho, ajudando a congregação, de perfil ultraconservador, a se abrir para possibilidades que a Bíblia oferece, como curas e milagres. Durante a visita, Dawkins pôde orar por crianças que estavam do…

Artista italiano ilustra Bíblia Sagrada à mão ao longo de uma década

Imagem
Um artista italiano passou os últimos dez anos ilustrando passagens bíblicas, distribuídas em 1.500 páginas de um livro publicado com o texto da versão da Comunidade Cristã da Bíblia. Dino Mazzoli, 80 anos, fez o trabalho manualmente após se aposentar, e o resultado é um livro com 5 mil ilustrações que usam o texto da versão da Comunidade Cristã da Bíblia como legenda. As técnicas usadas pelo artista foram aquarelas, lápis de cor e colagens. Segundo informações do Catholic Herald, Mazzoli conta que seu trabalho começou despretensiosamente: “Comecei desenhando – e então, de repente, eu levei uma página A4 e comecei a escrevê-la”, contou, lembrando como começou. Sua filha, Laura Mazzoli-Smith disse que os desenhos se tornaram parte da rotina de seu pai: “Ele estava tão inspirado que as ilustrações se tornaram tão importantes quanto a leitura da Bíblia”, afirmou. A versão própria e ilustrada do aposentado virou notícia internacionalmente. As ilustrações, que permeiam o texto bíblico ori…

Homem diz ter encontrado esqueleto de fada na Cornualha

Imagem
As imagens foram enviadas para a produção do podcast The Mystic Menagerie, que se dedica a histórias sobrenaturais
Um homem, que não quis ser identificado, diz que encontrou um esqueleto do que terá sido uma fada. As primeiras imagens chegaram em Março às mãos dos apresentadores do programa The Mystic Menagerie, umpodcast (uma rubrica em áudio digital e disponibilizada na Internet) produzido no Reino Unido, mas só agora é que estão a ser divulgadas as fotografias.

Mas será mesmo o esqueleto de uma fada? De acordo com o homem, estes vestígios foram encontrados na Cornualha, Reino Unido, uma zona muito popular nos contos de fadas e duendes. Segundo explicou o homem, o seu trabalho é inspeccionar os ninhos de espécies em vias de extinção de modo a que os ovos não sejam roubados. Foi durante uma dessas suas inspecções que ele disse ter visto algo pouco comum dentro de um ninho de falcão: um esqueleto bastante pequeno. Para o homem, trata-se de um esqueleto de uma fada.
Este esqueleto cabe na…