Igreja manda cobrança de dízimo a membros “devedores”

Quem costuma frequentar a igreja está acostumado a ver o anúncio do momento de dízimos e ofertas durante o culto. Geralmente, as pessoas doam o que desejam, independentemente de ser ou não membro daquela congregação.
Mas uma mulher de Tampa, Flórida, passou por uma situação constrangedora. Ela recebeu uma carta da Igreja Batista Primitiva Monte Moriá, onde costumava congregar. Tratava-se de uma cobrança no valor de mais de 1000 dólares. O montante cobriria o que a igreja esperava receber como contribuição mínima de seus membros durante um ano. Caso contrário, ela seria “desligada” do rol.
Carta do Dízimo
Carta do Dízimo.
Candace Petterson é mãe solteira e começou a frequentar a Monte Moriá quando se mudou para o atual endereço, cerca de seis meses atrás. “As pessoas sempre foram muito simpáticas comigo, e eu realmente gostava de estar lá”, disse.
Contudo, ao receber a carta, entendeu que havia uma expectativa por parte da igreja que ela não tinha condições de arcar.
“Para ser um membro efetivo e ter o direito de votar, os adultos precisam contribuir com no mínimo 50 dólares por mês”, diz Petterson. A carta explicava ainda que a igreja estava com dívidas e anualmente fazia uma coleta de aniversário, onde cada membro precisava dar 250 dólares. Outro evento regular da congregação era o chamado “dia de Moriá”, onde se doava mais 150 dólares por pessoa.
Quando a senhorita Petterson deu uma entrevista à rede de TV ABC, relatando o que sentiu ao receber a cobrança, gerou grande polêmica. Segundo a emissora, Candaca não foi a única a receber a carta de cobrança e estariam saindo da igreja por causa disso.Com informações de Urban Christian News

Bem agora a minha parte 
O que diz a Bíblia a respeito do dízimo?
dízimo e as ofertas deveriam ser uma alegria, uma bênção. Mas raramente é o que acontece nas igrejas hoje, infelizmente.

Dar o dízimo é um conceito do Velho Testamento. O dízimo era exigido pela lei na qual todos os israelitas deveriam dar ao Tabernáculo/Templo 10% de todo o fruto de seu trabalho e de tudo o que criassem (Levítico 27:30; Números 18:26; Deuteronômio 14:22; II Crônicas 31:5; Malaquias 3:8-10). Alguns entendem o dízimo no Velho Testamento como um método de taxação destinado a prover pelas necessidades dos sacerdotes e Levitas do sistema sacrificial. O Novo Testamento, em nenhum lugar ordena, e nem mesmo recomenda que os cristãos se submetam a um sistema legalista de dizimar. Paulo afirma que os crentes devem separar uma parte de seus ganhos para sustentar a igreja (I Coríntios 16:1-2).

Então o que é a Igreja?
Não é um edifício, mas sim as pessoas que fazem parte desse edifício. A Bíblia diz em Atos 17:24 “O Deus que fez o mundo e tudo o que nele há, sendo ele Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens.” 
A igreja são as pessoas que creêm. A Bíblia diz em Efésios 2:21 “No qual todo o edifício bem ajustado cresce para templo santo no Senhor. 1 Corintíos 3:16 “Não sabeis vós que sois santuário de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?” 

Então vejamos...os crentes devem separar uma parte de seus ganhos para sustentar o seu corpo, não é em vão que o Suicídio é uma abominação aos olhos de Deus....

Andriel/ Emanuel

Comentários

Mensagens populares