Acusado confirma abuso sexual dentro de igreja no Pará

Acusado confirma abuso sexual dentro de igreja no ParáUm homem de 20 anos foi preso em Ananindeua, Pará, por ter tentado violentar uma mulher dentro de uma igreja evangélica.
Natan dos Santos Pereira acompanhava uma vizinha, Regina Sousa Andrade, de 26 anos, em um ensaio do grupo de louvor na igreja do bairro Águas Lindas no último domingo (11). O ensaio acabou e todos foram embora, aproveitando que estava sozinho com Regina, Natan a agarrou, tirou suas roupas e passou a mão na região íntima da moça.
O depoimento da vítima bateu com a declaração de Natan que confessou o crime e foi levado para a Seccional da Cidade Nova.
O delegado deu detalhes do caso para o jornal Diário Online, dizendo que Regina conseguiu convencer o acusado a sair da igreja e assim conseguiu fugir.
“A vítima estava na igreja ensaiando para a festa do Dia das Mães com uma banda. Só que ela tinha que continuar ensaiando para uma música solo, então ela pediu para ele ficar lá com ela, já que eles eram vizinhos e se conheciam desde criança. Quando todos foram embora ele segurou ela, tirou a roupa dele e a dela e introduziu o dedo nas partes íntimas”, disse o delegado Eliezer Machado.
“Ela disse para ele que eles estavam dentro da casa de Deus e era pecado, que era para eles irem lá pra fora. E, quando saíram da igreja, ela aproveitou um momento de descuido e fugiu para casa”.
No depoimento à polícia Natan se declarou, disse que era apaixonado por Regina e que acreditava mesmo que eles iriam para um motel. “Eu esperei o pessoal sair e aproveitei, peguei ela por trás, tirei parte da minha roupa e da dela, e passei o dedo nas partes íntimas. Só que ela disse que na igreja era pecado, que era pra gente ir para o motel, que ela pagava e lá agente fazia tudo com tranquilidade. Só que ela fugiu”, disse. Ele continuará preso na Seccional da Cidade Nova até o julgamento.

Fonte gospel prime


Comentários

Mensagens populares