Durante pregação, pastor evangélico defende porte de armas e afirma que Deus é a favor da pena de morte

Durante pregação, pastor evangélico defende porte de armas e afirma que Deus é a favor da pena de morteNa última semana, o pastor evangélico norte-americano Rafael Cruz falou durante um sermão acerca de suas opiniões sobre o casamento gay, armas nas escolas e pena de morte. Sobre a pena de morte, o pastor usou passagens Bíblica para defender que Deus é a favor da prática.
O pastor de origem cubana, que é pai do senador Ted Cruz, citou versículos bíblicos para defender sua posição radical a favor da pena capital, e para afirmar que a Bíblia é clara sobre o assunto.
- Vá para Gênesis capítulo nove e você vai encontrar a pena de morte claramente, em Gênesis capítulo nove… Deus ordena a pena de morte! – ressaltou o religioso.
Cruz comentou ainda sobre recentes tiroteios que aconteceram em escolas norte-americanas, afirmando que a esquerda política está usando essas tragédias como forma de criar um lobby para o controle de armas,
- Olhe para todos os massacres que tivemos nos últimos anos, que a esquerda está usando para tentar nos dizer que precisamos controlar armas. Cada um deles foram em zonas livre de armas – afirmou.
O pastor falou ainda sobre o casamento entre pessoas do mesmo sexo, argumentando que o que Deus criou “foi Adão e Eva, e não Adão e Steve”. ela afirmou ainda que a legalização do casamento gay levaria a uma enxurrada de reclamações contra cristãos por supostos discursos de ódio.
- Se você pregar sobre o capítulo um de Romanos em sua igreja, você vai ser chamado perante um tribunal por fazer um discurso de ódio. Agora o que você vai fazer? Vai arrancar essa página fora de sua Bíblia? – questionou o religioso, que finalizou seu discurso classificando o presidente Barack Obama como um “tirano”.

Comentários

Mensagens populares