expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Seguidores

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Deputado madeirense condenado

Onde anda a liberdade de expressão? O povo tem sido FODIDO pelos nossos políticos iluministas, sim Illuminati  ou Nova Ordem Mundial, como você quiser... e a mais recente acção movida em nossos tribunais, vem a meu ver provar ainda mais o que se tem dito aqui, sobre essa corja que esta destruindo o nosso pais.
A mim, da nojo ver estas merdas acontecer e ninguém fazer nada, melhor será ver a novela e ir apoiar em claque o clube de futebol, sim pois eles são quem governam o nosso pais ... ou seria o nosso salvador o Tony Carreira??
Enquanto vocês leitores portugueses vivem dormindo, aqui o nosso Blog vem e vai continuar a batendo nessa gente com palavras e apelar a vocês que pelo amor de Deus acordem para o que esta acontecer.


José Manuel Coelho acusado de difamação por chamar "agente da CIA" ao advogado e antigo dirigente do PCTP/MRPP Garcia Pereira. Vai cumprir a pena aos fins-de-semana.


O deputado madeirense do PTP José Manuel Coelho foi condenado a um ano de prisão efectiva pelo Tribunal da Relação de Lisboa, num processo interposto pelo advogado António Garcia Pereira.
"Um homem que tem apoiado o povo ao máximo, como é possível ninguém dizer ou fazer nada por ele???  O nosso BLOG não vai deixar passar em branco ... e você??"
José Manuel Coelho vai cumprir a pena "aos fins-de-semana, em 72 períodos com a duração mínima de 36 horas e máxima de 48 horas, cada um", refere o acordão da Relação a que a agência Lusa teve acesso, datado de 26 de Janeiro.
Em Março do ano passado, o polémico deputado madeirense tinha sido absolvido do crime de difamação pelo qual estava acusado devido a declarações proferidas em 2011 contra o advogado e antigo dirigente do PCTP/MRPP Garcia Pereira, processo no qual o antigo político pediu um euro de indemnização. A sentença foi então proferida pela Instância Local Criminal de Lisboa, no Campus da Justiça.
José Manuel Coelho tinha classificado o advogado Garcia Pereira de ser um "agente da CIA" e de "fazer processos aos democratas da Madeira" a pedido de Alberto João Jardim, ex-presidente do Governo Regional.
As declarações do deputado madeirense foram publicadas pelo "Diário de Notícias da Madeira", a 1 de Abril de 2011, no âmbito da campanha eleitoral para a Presidência da República, na qual José Manuel Coelho se apresentou como candidato.
"Direito à liberdade de expressão não pode aniquilar ou esmagar direito à honra"
O Tribunal da Relação de Lisboa considera agora que as acusações feitas pelo deputado madeirense se mostravam "completamente desajustadas e desenquadradas do tema político a que supostamente visavam responder, apresentando-se como mera vindicta política, mas também pessoal".
"Não pode, pois, o direito à liberdade de expressão aniquilar ou esmagar direito à honra e consideração do ofendido, pois a isso se opõe, desde logo, a Constituição da República Portuguesa, que limita a restrição dos direitos, liberdades e garantias, as quais não podem 'diminuir a extensão e o alcance do conteúdo essencial dos preceitos constitucionais".
O Tribunal da Relação de Lisboa explica também no acórdão que decidiu pela pena efetiva de um ano, cumprível ao fim de semana, porque o arguido "havia já sido condenado quatro diferentes vezes, com trânsito em julgado, por crime de difamação ou de difamação agravada, a última das quais em pena de prisão suspensa na sua execução".
"Entretanto, foi novamente condenado, com trânsito em julgado, em nova pena de prisão suspensa na sua execução por mais dois crimes de difamação agravada", salienta o acórdão.
O acordão concretiza que: "consequentemente, entendendo-se que a pena de multa não é já suficiente para afastar o arguido da criminalidade, opta-se pela pena de prisão".
José Manuel Coelho vai recorrer
O deputado madeirense já estava à espera de ir preso. Acusa os tribunais de não serem democráticos e, por isso, só se podem esperar "sentenças fascistas e reaccionárias".
"Não me surpreendeu, porque já estava à espera que, mais mês, menos mês, mais dia, menos dia, eles me iam condenar a prisão efectiva", afirmou à agência Lusa, salientando estar admirado por não ter sido condenado mais cedo à prisão e que vai recorrer da decisão. 
Segundo José Manuel Coelho, o "órgão de soberania tribunais não é democrático, transitou do tempo do Salazar com armas e bagagens para o regime democrático". 
O deputado promete não se render e, mesmo que vá preso, não vai parar de lutar. "O objectivo desses senhores juízes fascistas é com a possibilidade da minha prisão desmoralizar-me do ponto vista pessoal e tentar minar a minha combatividade de antifascista. Eu sou antifascista, sou revolucionário e quero a liberdade de expressão para o meu país", acrescentou. 
Não vale tudo, diz Garcia Pereira
Garcia Pereira considera que a decisão do Tribunal da Relação de Lisboa de condenar a prisão efectiva o deputado madeirense José Manuel Coelho "é justa" e mostra que na vida política "não vale tudo".
"Esta decisão após anos e anos de impunidade e contínuo proferimento das mais baixas provocações e boçalidades é uma decisão inteiramente justa", afirmou o advogado à agência Lusa.
Segundo Garcia Pereira, a decisão "finaliza e consagra que na vida, em particular na vida política, não vale tudo e que não é aceitável que se possam produzir ataques pessoais e vexames dos mais primários".




segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Pastor é demitido após criticar leitura do Alcorão

Ex-capelão da rainha pede que os cristãos busquem igrejas 'bíblicas'


O pastor Gavin Ashenden fez várias críticas públicas às igrejas que convidaram muçulmanos para ler trechos do Alcorão nos cultos, em nome da “tolerância”. Por causa disso, o ex-capelão da Rainha acabou forçado a abandonar o cargo. Agora, está pedindo aos cristãos do Reino Unido que abandonem a Igreja da Inglaterra e procurem congregações mais “bíblicas”.
Em entrevista recente, ele denunciou a Igreja Anglicana, denominação a qual pertence, afirmando que ela estava mais preocupada com política do que com espiritualidade.
Insatisfeitos com a postura da liderança nacional, está fazendo um apelo público para que os fiéis rompam com a tradição e procurem igrejas “que tenham mantido o máximo possível dos valores históricos, apostólicos e bíblicos”.
Professor Cria Curso Online p/ Bacharel Livre em Teologia com VÍDEO AULAS
Membro do sínodo geral – a cúpula da Igreja da Inglaterra – durante 20 anos, o pastor Ashenden apresentava um programa de rádio semanal chamado “Fé e Ética” na rede estatal BBC. Ele também actuava como capelão da Rainha Elizabeth e da família real.
Porém, na semana passada ele viu seu ministério chegar ao fim devido à pressões internas dentro da igreja. O motivo seriam suas críticas abertas e constantes depois que a catedral Anglicana de Glasgow, Escócia, convidou uma muçulmana para ler um trecho no Alcorão onde se nega que Jesus é o filho de Deus. Por sua vez, o pastor Kelvin Holdsworth, responsável pela catedral, foi elogiado pela iniciativa.
Defendo o Cristo que eu sirvo
Em seu blog pessoal, o ex-capelão afirma que foi pressionado a pedir demissão por “altos funcionários” do Palácio de Buckingham. Insatisfeito, ele reclama que o liberalismo teológico comprometeu seriamente os rumos da Igreja Anglicana, que já aceita, por exemplo, pastores e bispos homossexuais.
Ele havia levado suas denúncias aos jornais ingleses, publicando artigos sobre o assunto. O líder religioso disse que não pretende se aposentar, e insiste: “Tenho muito claro em minha mente qual é o meu dever e minha consciência. Segundo minha compreensão do cristianismo, eu deveria estar sempre defendendo o nome do Cristo que eu sirvo”.
Ashenden acredita que há sinais inequívocos que a Igreja anglicana está morrendo. “Não tenho certeza de resta muita coisa em uma Igreja que só deseja ser aceita como uma espécie de conselheiro não intrusivo de uma cultura secular e hedonista”. Finalizou reclamando: “Nossa igreja sente-se mais confortável confiando na política que no poder do Espírito Santo, razão pela qual homens como John Wesley tinham tanta dificuldade em permanecer na denominação”.

Cientistas misturam homem e porco e criam animal “híbrido”

Objectivo do projecto é gerar órgãos humanos dentro de animais para transplantes???


As quimeras eram criaturas míticas da Grécia Antiga, formadas da mistura de dois ou mais animais. Agora, cientistas tentam criar embriões híbridos, reunindo genes de humanos e porcos. O projecto tem como objectivo fazer crescer órgãos humanos em animais para que possam ser usados em transplantes.
Juan Carlos Izpisua Belmonte, pesquisador do Instituto Salt para Estudos Biológicos, na Califórnia, explica: “O principal objectivo é criar tecidos ou órgãos funcionais e que possam ser transplantados, mas ainda estamos longe disso. Mesmo assim, trata-se de um importante primeiro passo”.
Para a comunidade científica esse seria um avanço importante na produção de órgãos humanos, saudáveis e compatíveis com os pacientes. Belmonte e seus demais colegas pensam que estes órgãos também poderiam ser usados para testar medicamentos e tratamentos de forma segura.
Professor Cria Curso Online p/ Bacharel Livre em Teologia com VÍDEO AULAS
De acordo com o material publicado pela equipe do Instituto Salt na revista científica Cell,  foram colocadas células estaminais de humanos em embriões de porcos. O resultado foram  dois mil híbridos, imediatamente implantados nos suínos. O artigo afirma que se desenvolveram mais de 150 embriões maioritariamente porco, que continham cerca de 10 mil células humanas.
Como a gestação dos porcos é de apenas 112 dias, Belmonte explica que os embriões foram retirados ao 28º dia, no fim do primeiro trimestre de gravidez. “Isto foi o suficiente para tentarmos entender como as células humanas e suínas se misturam no princípio, sem levantarmos questões éticas sobre animais quiméricos adultos”, explicou ao The Washington Post.
Como precaução, as células quiméricas foram todas destruídas, logo não há possibilidade de que nasça uma criança-porco. O objectivo da equipe é conseguir “desativar” determinados genes dos porcos para obterem órgãos com tecido celular totalmente humano, que seria usado para transplante.
Obviamente a divulgação do estudo renova as discussões éticas e os conhecidos receios sobre os animais híbridos. Em especial por que usa células humanas.
Este não é o único tipo de experimento no mundo para gerar uma quimera. Um artigo da revista Nature deste mês mostra que cientistas tiveram sucesso em gerar órgãos de um camundongo dentro de um rato. Depois, fizeram um transplante para um camundongo doente, mostrando que o transplante inter espécies é uma realidade.

sábado, 28 de janeiro de 2017

Luzes estranhas aparecem

luzes aparecem no céu de Ontario

O fotógrafo semi-profissional Timothy Joseph Elzinga acordou no começo de uma amanhã para atender ao chamado de seu filho de dois anos, que chorava. Quando olhou pela janela, se deparou com uma visão espectacular e rara conhecida como “pilares de luz” Inteligentemente, pegou sua câmara e capturou algumas das imagens mais incríveis já registadas desse fenómeno...
luzes-ceu-ontario


Esses feixes verticais de luzes multicoloridas parecem auroras, mas aparecem quando uma luz natural ou artificial salta dos cristais de gelo que flutuam próximo ao solo. Aqui, o ar no norte de Ontário estava tão gelado que os cristais de gelo se formavam no alto, reflectindo as ruas da cidade e as luzes dos estabelecimentos. Elzinga, que mora em North Bay, observou essa exibição majestosa de luz por cerca de 45 minutos, a partir das 1h30 da manhã, no horário local. Ele conseguiu até capturar um vídeo do evento raro (ele tem seu próprio canal no YouTube).

“Eu consegui capturar essas imagens porque as luzes estavam muito brilhantes e nítidas e por usar as configurações manuais do meu celular para ajustar o tempo de abertura (do obturador) para oito segundos”, explicou ao Gizmodo. “Também abri a janela e removi a tela de protecção para conseguir uma visão sem obstruções. Então, usei a borda da janela como um tripé improvisado para evitar borrão por causa de movimento.”
l
luz-2
Elzinga correu para fora para ver se conseguia tirar mais fotos e até saiu com o carro. Mas os pilares de luz pareciam ficar melhor a partir de seu ponto inicial, já que uma grande colina com florestas atrás de sua casa dava protecção contra a poluição luminosa. Na hora, ele não sabia para o que exactamente estava olhando. Só foi descobrir o nome do fenómeno após um pouco de pesquisa.


“Foi algo sobrenatural e, embora as imagens tenham ficado incríveis, eu diria que foi ainda mais legal presencialmente”, encerrou Elzinga.

Imagens: Timothy Joseph

O Suicídio

suicidio-e-luz-na-janela-c8039.jpg (1024×768)
SurpresaSuicídio (do latim sui, "próprio", e caedere, "matar") é o ato intencional de matar a si mesmo. Sua causa mais comum é um transtorno mental que pode incluir depressão, transtorno bipolar, esquizofrenia, alcoolismo e abuso de drogas. Dificuldades financeiras e/ou emocionais também desempenham um fator significativo.
Mais de um milhão de pessoas cometem suicídio a cada ano, tornando-se esta a décima causa de morte no mundo. Trata-se de uma das principais causas de morte entre adolescentes e adultos com menos de 35 anos de idade. Entretanto, há uma estimativa de 10 a 20 milhões de tentativas de suicídios não-fatais a cada ano em todo o mundo.
As interpretações acerca do suicídio tem sido vistas pela ampla vista cultural em temas existenciais como religião, filosofia, psicologia, honra e o sentido da vida. Albert Camus escreveu certa vez: "O suicídio é a grande questão filosófica de nosso tempo, decidir se a vida merece ou não ser vivida é responder a uma pergunta fundamental da filosofia."As religiões abraâmicas, por exemplo, consideram o suicídio uma ofensa contra Deus devido à crença religiosa na santidade da vida[carece de fontes]. No Ocidente, foi muitas vezes considerado como um crime grave. Por outro lado, durante a era dos samurais no Japão, o seppuku era respeitado como uma forma de expiação do fracasso ou como uma forma de protesto. No século XX, o suicídio sob a forma de auto-imolação tem sido usado como uma forma de protestar, enquanto que na forma de kamikaze e de atentados suicidas como uma tática militar ou terrorista. O sati é uma antiga prática funerária hindu no qual a viúva se auto-imola na pira funerária do marido, seja voluntariamente ou por pressão da famílias e/ou das leis do país.
O suicídio medicamente assistido (Eutanásia, ou o "direito de morrer") é uma questão ética atualmente muito controversa que envolve um determinado paciente que esteja com uma doença terminal, ou em dor extrema, que tenha uma qualidade de vida muito mínima através de sua lesão ou doença. Para alguns, o auto sacrifício geralmente não é considerado suicídio, uma vez que o objetivo não é matar a si mesmo mas salvar outrem.
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
SUICIDIO.jpg (450×280)
Suicídio visto pelo Espiritismo
O suicídio é a interrupção da vida (óbvio). Mas nesta frase se encontra a chave de todo o drama que o suicida passa após a morte. Assim como o mais avançado dos robôs, ou um simples radinho de pilha, o corpo também tem sua bateria, e um tempo de vida útil baseado nesta carga. De acordo com nossos planos (traçados do "outro lado") teremos uma carga X de energia, que pode ser ampliada, se assim for necessário. Então, um atentado contra a vida não é um atentado exatamente contra Deus, mas contra todos os seus amigos, mentores e engenheiros espirituais que planejaram sua encarnação nos mínimos detalhes, e contra a própria energia Divina que foi "emprestada" para animar seu veículo físico de manifestação: seu corpo.
Eqüivale aos EUA gastar bilhões pra mandar um homem a Marte, e quando ele estivesse lá resolvesse voltar porque ficou com medo ou sentiu saudades de casa. Todos os cientistas envolvidos na missão ficarão (Fodidos) da vida, e com razão. Afinal, quando ele se candidatou para a missão, estava assumindo todos os riscos, com todos os ônus e bônus decorrentes de um empreendimento deste tamanho. Quando esse astronauta voltar à Terra vai ter trabalho até pra conseguir emprego de gari.
É mais ou menos assim no plano espiritual. Um suicida nunca volta pra Terra em condições melhores do que estava antes de cometer o autocídio.
Segundo Allan Kardec, descodificador do espiritismo, "Há as conseqüências que são comuns a todos os casos de morte violenta*; as que decorrem da interrupção brusca da vida. Observa-se a persistência mais prolongada e mais tenaz do laço que liga o Espírito ao corpo, porque este laço está quase sempre em todo o vigor no momento em que foi rompido (Na morte natural ele enfraquece gradualmente e, às vezes, se desata antes mesmo da extinção completa da vida). As conseqüências desse estado de coisas são o prolongamento do estado de perturbação, seguido da ilusão que, durante um tempo mais ou menos longo, faz o Espírito acreditar que ainda se encontra no mundo dos vivos. A afinidade que persiste entre o Espírito e o corpo produz, em alguns suicidas, uma espécie de recuperação do estado do corpo sobre o Espírito (ou seja, o espírito ainda sente, de certa forma, as ações que o corpo sofre), que assim se ressente dos efeitos da decomposição, experimentando uma sensação cheia de angústias e de horror. Este estado pode persistir tão longamente quanto tivesse de durar a vida que foi interrompida.
Assim é que certos Espíritos, que foram muito desgraçados na Terra, disseram ter-se suicidado na existência precedente e submetido voluntariamente a novas provas, para tentarem suportá-las com mais resignação. Em alguns, verifica-se uma espécie de ligação à matéria, de que inutilmente procuram desembaraçar-se, a fim de voarem para mundos melhores, cujo acesso, porém, se lhes conserva interditado. A maior parte deles sofre o pesar de haver feito uma coisa inútil, pois que só decepções encontram".
Algumas máximas do espiritismo para o caso de suicídio:
As penas são proporcionais à consciência que o culpado tem das faltas que comete.
Não se pode chamar de suicida aquele que devidamente se expõe à morte para salvar o seu semelhante.
O louco que se mata não sabe o que faz.
As mulheres que, em certos países, voluntariamente se matam sobre os corpos de seus maridos, obedecem a um preconceito, e geralmente o fazem mais pela força do que pela própria vontade. Acreditam cumprir um dever, o que não é característica do suicídio. Encontram desculpa na nulidade moral que as caracteriza, em a sua maioria, e na ignorância em que se acham.
Os que hajam conduzido/induzido alguém a se matar terão de responder por assassinato, perante as Leis de Deus.
Aquele que se suicida vítima das paixões é um suicida moral, duplamente culpado, pois há nele falta de coragem e bestialidade, acrescidas do esquecimento de Deus.
O suicídio mais severamente punido é aquele que é o resultado do desespero, que visa a redenção das misérias terrenas.
Pergunta - É tão reprovável, como o que tem por causa o desespero, o suicídio daquele que procura escapar à vergonha de uma ação má?
Resposta dos espíritos - O suicídio não apaga a falta. Ao contrário, em vez de uma, haverá duas. Quando se teve a coragem de praticar o mal, é preciso ter-se a de lhe sofrer as conseqüências.
Será desculpável o suicídio, quando tenha por fim impedir a que a vergonha caia sobre os filhos, ou sobre a família?
O que assim procede não faz bem. Mas, como pensa que o faz, isso é levado em conta, pois que é uma expiação que ele se impõe a si mesmo. A intenção lhe atenua a falta; entretanto, nem por isso deixa de haver falta. Aquele que tira de si mesmo a vida, para fugir à vergonha de uma ação má, prova que dá mais apreço à estima dos homens do que a de Deus, visto que volta para a vida espiritual carregado de suas iniqüidades, tendo-se privado dos meios de repará-los aqui na Terra. O arrependimento sincero e o esforço desinteressado são o melhor caminho para a reparação. O suicídio nada repara.
Que pensar daquele que se mata, na esperança de chegar mais depressa a uma vida melhor?
Outra loucura! Que faça ele o bem, e mais cedo irá lá chegar, pois, matando-se, retarda a sua entrada num mundo melhor e terá que pedir lhe seja permitido voltar, para concluir a vida a que pôs termo sob o influxo de uma idéia falsa.
Não é, às vezes, meritório o sacrifício da vida, quando aquele que o faz visa salvar a de outrem, ou ser útil aos seus semelhantes?
Isso é sublime, conforme a intenção, e, em tal caso, o sacrifício da vida não constitui suicídio. É contrário às Leis kármicas todo sacrifício inútil, principalmente se for motivada por qualquer traço de orgulho. Somente o desinteresse completo torna meritório o sacrifício e, não raro, quem o faz guarda oculto um pensamento, que lhe diminui o valor aos olhos de Deus. Todo sacrifício que o homem faça à custa da sua própria felicidade é um ato soberanamente meritório, porque resulta da prática da lei de caridade. Mas, antes de cumprir tal sacrifício, deveria refletir sobre se sua vida não será mais útil do que sua morte.
Quando uma pessoa vê diante de si um fim inevitável e horrível, será culpada se abreviar de alguns instantes os seus sofrimentos, apressando voluntariamente sua morte?
É sempre culpado aquele que não aguarda o termo que Deus lhe marcou para a existência. Não há culpabilidade, entretanto, se não houver intenção, ou consciência perfeita da prática do mal.
Conseguem seu intento aqueles que, não podendo conformar-se com a perda de pessoas que lhes eram caras, se matam na esperança de ir juntar-se a eles?
Muito ao contrário. Em vez de se reunirem ao que era objeto de suas afeições, dele se afastam por longo tempo.
Fonte: Livro dos espíritos (com algumas alterações)
Alguns exemplos de efeitos de suicídios na nova vida, como constam no livro “As vidas” de Chico Xavier:
- Chico, minha filha, de 5 anos, é portadora de mongolismo, mas eu acho que ela está sendo assediada por espíritos.
Chico descartava a hipótese "espiritual" e encaminhava mãe e filha à fila de passes. Elas viravam as costas, e ele confidenciava a um amigo:
- Os espíritos estão me dizendo que essa menina, em vida anterior recente, suicidou-se atirando-se de um lugar muito alto.
Outra mãe se aproximava e reclamava do filho, também de 5 anos:
- Ele é perturbado. Fala muito pouco e não memoriza mais que 5 minutos qualquer coisa que nós ensinamos.
Quando os dois estavam a caminho da sala de passes, Chico confidenciava:
- Na última encarnação, esse menino deu um tiro fatal na própria cabeça.
Outro caso, ainda mais chocante:
- Meu filho nasceu surdo, mudo, cego e sem os dois braços. Agora está com uma doença nas pernas e os médicos querem amputar as duas para salvar a vida dele.
Chico pensava numa resposta, quando ouviu o vozeirão de Emmanuel:
- Explique à nossa irmã que este nosso irmão em seus braços suicidou-se nas dez últimas encarnações e pediu, antes de nascer, que lhe fossem retiradas todas as possibilidades de se matar novamente. Agora que está aproximadamente com cinco anos de idade, procura um rio ou um precipício para se atirar. Avise que os médicos estão com a razão. As duas pernas dele serão amputadas, em seu próprio benefício.
morte violenta*: Em casos onde a morte violenta é dívida kármica, e já prevista, sempre há uma equipe de amparadores para fazer o 'desligamento' do corpo e dispersão das energias densas. Os suicidas não contam, obviamente, com esse amparo, pois seria assim um incentivo à prática do suicídio, não havendo assim aprendizado com o erro.
SUICIDIO.jpg (450×280)
Visão Budista
Cometendo Suicídio
Tirar a própria vida em qualquer circunstância é moral e espiritualmente algo errôneo. Tirar a própria vida devido à frustração ou ao desapontamento apenas causa um sofrimento maior. O suicídio é uma forma covarde de dar um fim nos problemas da própria vida. Uma pessoa não pode cometer suicídio se sua mente for pura e tranqüila. Se ela deixa este mundo com uma mente confusa e frustrada, é bem improvável que nascerá novamente em uma condição melhor. O suicídio é uma ação insalubre ou inábil, uma vez que é encorajado por uma mente cheia de cobiça, ódio e ilusão. Aqueles que cometem suicídio não aprenderam como enfrentar seus problemas, como enfrentar os fatos da vida, e como usar sua mente de uma maneira apropriada. Tais pessoas não foram capazes de entender a natureza da vida e as condições do mundo.
Algumas pessoas sacrificam suas próprias vidas pelo que consideram uma causa boa e nobre. Tiram suas próprias vidas por métodos como a auto-imolação, tiro ou greve de fome. Tais ações podem ser classificadas como heróicas e corajosas. Entretanto, de um ponto de vista buddhista, tais atos não podem ser aprovados. O Buddha indicou claramente que estados suicidas da mente levam a mais sofrimentos.
Visão Catolica
O suicídio na Bíblia
No Antigo Testamento, temos apenas três casos de suicídio. A saber. O rei Saul, ao ser derrotado na batalha, temendo ser ridicularizado e torturado por seus inimigos, jogou-se contra a ponta de sua própria espada, e seu escudeiro, vendo isso, seguiu o exemplo de seu senhor, morrendo ao seu lado (1Sm 31.4-6). Aitofel enforcou-se em casa. Vejamos o motivo: “Vendo, pois, Aitofel que se não tinha seguido o seu conselho, albardou o jumento, e levantou-se, e foi para sua casa e para a sua cidade, e deu ordem à sua casa, e se enforcou e morreu, e foi sepultado na sepultura de seu pai” (2Sm 17.23). O quarto exemplo não pode ser considerado suicídio qualificado. Estamos falando de Sansão, que causou a própria morte ao provocar um colapso no templo onde os filisteus estavam realizando uma grande comemoração. Na ocasião, três mil pessoas morreram. (Ver Juízes 16.30).
No Novo Testamento, temos o famigerado caso de Judas Iscariotes, o traidor, que se enforcou depois de haver jogado as trinta moedas de prata sobre o pavimento do templo diante do sumo sacerdote e dos anciões (Mt 27.3-5). Um dos textos bíblicos que nos chamam a atenção sobre essa atitude de Judas foi registrado por Lucas quando menciona que alguns dias antes de suicidar-se Satanás entrara em Judas Iscariotes: “Entrou, porém, Satanás em Judas...” (Lc 22.3). O que nos leva a entender que o suicídio também pode ocorrer por possessão ou, no mínimo, por uma poderosa influência do diabo sobre os filhos da desobediência.
A polémica em torno deste assunto
Em seu livro Comprehensive Texbook of Psychiatry (Manual Geral de Psiquiatria), Schenidman apresenta, no capítulo que discorre sobre o suicídio, uma série de contrastes entre as fábulas e os fatos em torno deste assunto: “... a profunda fé religiosa torna o suicídio impossível”.
Refutação do fato: “o desespero e o sentimento de inutilidade que acompanham a grave doença depressiva podem solapar a fé”.
E continua ele: “Pacientes piedosos já me olharam nos olhos e me disseram, cheios de desespero: ‘Minha fé acabou’. Tal é a vulnerabilidade de nossos corpos e cérebro perante as pequeninas alterações químicas, e tão delicado é o equilíbrio entre a loucura e a sanidade, que o mais forte dos cristãos pode se tornar vítima do suicídio”.
E John White, por sua vez, em As máscaras da melancolia, é da opinião que ”Num momento desses, não é de fé que precisam, mas da assistência de pessoas competentes e cheias de fé, para que as vigiem até que o devido equilíbrio de suas mentes seja restaurado e, com ele, a fé que achavam ter perdido”.
Resultado de imagem para suicidio
Pode um cristão piedoso, em plena comunhão com Deus, cometer suicídio?
Não podemos ignorar o fato de que não somos super-homens ou supermulheres, supercrentes, descartando a possibilidade de que a ajuda humana nos é necessária em nossas angústias, de que precisamos do auxílio de um profissional. Diz a Bíblia, em Romanos 12.13: “Comunicai com os santos nas suas necessidades...” O nosso cérebro recebe informações e o nosso comportamento é o resultado daquilo que sentimos.
Não podemos, também, ignorar o fato de que Deus é poderoso.E, ainda que fragilizados, a ponto de percebermos o agir de Deus em nossas vidas, cremos que o crente fiel ao Senhor e a sua Palavra, aquele cristão que vive nas obras da carne, é sustentado em suas grandes adversidades, como aconteceu com o patriarca Jó. Deus não nos prova além das nossas forças! “Não veio sobre vos tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixara tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também escape, para que a possais suportar”. Veja também o que diz Tiago: “Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta” (Tg 1.13).
Encontramos, na Bíblia, várias pessoas que escreveram a respeito de sentimentos como a tristeza: “O meu espírito se vai consumindo, os meus dias se vão se apagando, e só tenho perante mim a sepultura” (Jó 17.1). O salmista disse: “Estou encurvado, estou muito abatido, ando lamentando todo o dia” (Sl 38.6). O próprio apóstolo Paulo, por várias vezes, relata como ele se sentia a respeito do seu sofrimento: “Que tenho grande tristeza e contínua dor no meu coração” (Rm 9.2). Jesus também falou a respeito de seus sentimentos: “A minha está cheia de tristeza até a morte; ficai aqui, e velai comigo" (Mt. 26.38). O profeta Elias, em 1 Reis 19.4, fala de sua amargura e interesse pela morte: “...Já basta, ó Senhor; toma agora a minha vida, pois não sou melhor do que meus pais.” E Jonas, o profeta de Deus, disse: “Peço-te, pois, ó Senhor, tira-me a vida, porque melhor me é morrer do que viver” (Jn 4.3). é importante entendermos o quanto é diferente o sentimento desses homens piedosos das narrativas bíblicas do desejo especifico que os suicidas sentem em tirar a própria vida.
Em outras palavras, uma coisa é num momento extremo de angustia, como no caso do patriarca Jó, alguém desejar morrer. Outra coisa, totalmente diferente é o impulso doentio de alguém que deseja matar-se. Veja que os heróis da fé sempre apelaram para que Deus, o doador da vida, lhes permitisse morrer, que o próprio Senhor interrompesse o fôlego de vida deles, pois somente assim poderiam estar com Ele: “O Senhor é o que tira a vida e a dá; faz descer a sepultura e faz tornar a subir dela” (ISm 2.6).
O suicídio é obra do diabo. Cristo veio para trazer vida, e vida em abundancia, como nos testemunhar as Escrituras Sagradas.E, partindo deste principio, toda e qualquer atitude que infrinja a lei divina quanto à valorização da vida é condenável. O suicídio é um assunto extremamente delicado, cercado por tantos tabus que difícil e raramente encontramos alguém falando a respeito. Nunca levamos aos nossos púlpitos sermões tendo o suicídio como titulo e não conhecemos quase nenhuma literatura evangélica que fale sobre este tema tão polemico.
Mas não precisamos de muitos estudos bíblicos para condenarmos esse ato. Até mesmo os filósofos ateus, como Sartre, por exemplo, afirmam que o suicídio é errado por ser uma atitude que destrói todos os atos futuros de liberdade. Que é uma prática tão irracional que lhe falta verdadeira base lógica. Segundo Agostinho, considerado o maior teólogo do cristianismo, depois do apóstolo Paulo: “O suicídio é o fracasso da coragem”. Ou, conforme o dr. Norman L. Geisler, um dos maiores apologistas da atualidade, “até mesmo a eutanásia, uma forma de dar cabo a própria vida, é uma contradição em termos, porque o ato final ‘contra sim mesmo’ não pode ser, ao mesmo tempo um ato ‘em prol de si mesmo’”. E se a base do amor ao próximo é amar a si mesmo, não amar-se é a base do ódio e da vingança contra o semelhante, o que viola o segundo grande mandamento (Mc 12.31).
Resultado de imagem para suicidio
Considerando os princípios bíblicos
“Sabei que o SENHOR é Deus; foi ele que nos fez, de não nós a si mesmos; somos povo seu e ovelhas do seu pasto” (Sl 100.3).Considerando que não somos de nós mesmos, mas de Deus, por termos sido criados por Ele, a iniciativa de uma pessoa de tirar a própria via significa que ela está-se colocando acima de Deus e agindo com autoridade maior que a do Senhor, o autor da vida.
O homem foi criado a imagem e semelhança de Deus; destruiu o próprio corpo é desonrar o Criador. Paulo disse: “Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?” (1Co 6.19). Deus é o doador da vida, presente e futura. (Ver Gn 1.26-27; Sl 8.5; 24.1; Jo 1.3; 3.16; 10.10;11.25-26). É o Senhor que tem estabelecido as normas de conduta para a nossa vida presente e para toda a eternidade.
Nem mesmo o amor pela vida nem o desejo de suicídio devem ser colocados acima da vontade de Deus. Quando alguém age independentemente de Deus, está-se colocando no lugar dele. A primeira epistola de João 5.21 declara: “Filhinhos, guardai-vos dos ídolos”. Alguém pode perguntar: ”O que acontece com aqueles que cometem suicídio?”. Ou, “Um suicida pode ser salvo”. A resposta levará em consideração a Sagrada Escritura. A orientação bíblica é que aqueles que cometem o suicídio violam o sexto mandamento. As pessoas que dão fim à própria vida fazem isso por várias razoes. Somente o Senhor Deus sabe a complexidade de pensamentos que passa na mente do individuo no momento do suicídio. Por isso, baseamos o nosso entendimento na Bíblia Sagrada. Devemos considerar o texto de Êxodo 20.3, que diz “Não matarás”. O suicídio nada mais é do que um auto-assassinio, atitude que contraria esse mandamento. Como cristãos, compreendemos que o suicida não pode ser salvo. “Certamente requererei o vosso sangue, o sangue das vossas vidas; da mão de todo o animal o requererei; como também da mão do homem, e da mão do irmão de cada um requererei a vida do homem” (Gn 9.5).
Matheus Henry comenta: “O homem não deve dar fim à própria vida... Nossas vidas não nos pertencem, mas pertencem a Deus. Cristo, nosso Salvador e Rei, nosso Mestre e nosso exemplo em todas as coisas, foi tentado, ate como homem mortal”. “Porque não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas; porém, um que, como nos, em tudo foi tentado, mas sem pecado” (Hb 4.15). “Levou-o também a Jerusalém, e pó-lo sobre o pináculo do templo, e disse-lhe: Se tu es o Filho de Deus, Lança-te daqui abaixo; porque está escrito: Mandará aos seus anjos, acerca de ti, que te guardem, e que te sustenham nas mãos para que nunca tropeces com o teu pé em alguma pedra” (Lc 4.9-11). A resposta de Jesus foi pronta: “Não tentarás ao Senhor teu Deus” (Lc 4.12).
Rus Walton, pesquisador cristão e ex-secretário do Desenvolvimento do governo de Ronald Regan, não considera o suicídio um problema de patologia. Ou seja, não se trata de um problema da mente, mas, sim, de enfermidade da alma: “Por que seríeis ainda castigados, se mais vos rebelaríeis? Toda a cabeça está enferma e todo o coração fraco. Desde a planta do pé até a cabeça não há nele coisa as, senão feridas e inchaços e chagas podres não espremidas, nem ligadas, nem amolecidas com óleo” (Is 1.5-6). Essa enfermidade Jesus Cristo pode curar. O pecado e a fonte das inclinações suicidas. Quando a alma está sem Cristo, a mente e corrupta, perdida. As pessoas sem Cristo estão envolvidas em caminhos que parecem direitos, mas que, por fim, conduzem a morte.
É Jesus Cristo quem sara o coração quebrantado e poe em liberdade os oprimidos: “O Espírito do Senhor é sobre mim, pois... enviou-me a curar os quebrantados de coração, a pregar liberdade aos cativos” (Lc 4.18-19).
Algumas pessoas se deixam levar pelo seguinte questionamento: “Se Cristo morreu por nos para nos assegurar o perdão dos pecados (1Pe 2.24) e nos reconciliar com Deus (Rm 5.1), não teria sido a morte de Cristo em nosso favor um suicídio altruísta?”. De forma nenhuma. Jesus declarou que ninguém poderia tirar a vida dele. O próprio Jesus tinha o poder de dá-la e também de retomá-la. João 10.17-18 diz “Por isso o Pai me ama, porque dou a minha vida para tornar a tomá-la”. Ninguém ma tira de mim, mas eu de mim mesmo a dou; tenho poder para a dar, e poder para tornar a tomá-la.
Só Jesus oferece descanso verdadeiro
Existe alivio, descanso, refugio, para o coração pesado e a alma desesperada: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomais sobre vos o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para as vossas almas” (Mt 11.28-29).
Cristo é a única solução para as pessoas que pensam em cometer suicídio. Consideremos o que diz o apostolo Paulo: “Porque não quero irmãos que ignoreis a tribulação que nos sobreveio na Ásia, pois que fomos sobremaneira agravados mais do que o podíamos suportar, de modo tal que até da vida desesperamos. Mas já em nos mesmos tínhamos a sentença de morte, para que não confiássemos em nós, mas em Deus, que ressuscita os mortos; o qual nos livrou de tão grande morte, e livra; em quem esperamos que também nos livrará ainda” (2Co 1.8-10). Jesus é o Senhor da vida.
“Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens”. (Jo 1.4).
“... assim também o Filho vivifica aqueles que quer” (Jo 5.21).
“Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está em seu Filho” (1Jo 5.11).
“Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho de Deus não tem a vida” (1Jo 5.12).
Diante de textos tão contundentes, não podemos, como igreja de Deus, fechar os olhos para as pessoas que enfrentam tão grave problema como o suicídio. Às vezes, tais pessoas estão dentro de nossas próprias congregações. Como cristãos, conhecemos o poder vivificar do Filho de Deus (Jesus, o Cristo), portanto devemos criar grupos capazes de ajudar aqueles que estejam passando por esse dilema. Devemos orar e nos capacitar para que possamos ajudar essas pessoas. Devemos, ainda, ser solidários e desenvolver o caráter de Cristo em nossas vidas, pois somente assim estaremos livres de tão grande risco. Através do fruto do Espírito Santo poderemos apoiar e ajudar as pessoas para que veja os benefícios de Cristo na vida dos demais e também na nossa.
“E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardara os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus. Quanto ao mais,irmãos, tudo o que e verdadeiro, tudo o que e honesto, tudo o que e justo, tudo o que e puro, tudo o que e amável, tudo o que e de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai” (Fl 4.7-8).
Somente assim conseguiremos manter a nossa mente guardada em Cristo!
Por: Andriel Disse asneira

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Ciência comprova o dia e a hora que “o sol parou”

Os pesquisadores afirmam ter identificado a data exacta que "o sol parou" - 30 de Outubro de 1207 antes de Cristo. A descoberta é mais uma comprovação que dá autoridade histórica ao texto bíblico

Já passou a época em que se acreditava que a fé e a ciência não podiam caminhar juntas. Esse equívoco ultrapassado começou a ganhar cada vez mais força conforme a tecnologia humana foi avançando, e descobertas que até então deveriam banir as religiões, serviram para fundamentar e dar ainda mais autoridade ao que a Bíblia, por exemplo, afirma há milhares de anos. Dessa vez, três cientistas Israelitas descobriram que o relato bíblico de que “o sol parou”, de fato, aconteceu.
Com base em dados obtidos da NASA, cientistas da Universidade Ben-Gurion do Neguev, em Berbesá, Israel, descobriram não apenas que o relato bíblico descrito em Josué 10:12-14 realmente aconteceu, como também o dia e a hora exactos do fenómeno. Veja o trecho bíblico:
“No dia em que o Senhor entregou os amorreus aos israelitas, Josué exclamou ao Senhor, na presença de Israel: ‘Sol, pare sobre Gibeom! E você, ó Lua, sobre o vale de Aijalom!’ O Sol parou, e a Lua se deteve, até a nação vingar-se dos seus inimigos, como está escrito no Livro de Jasar. O Sol parou no meio do céu e por quase um dia inteiro não se pôs”. 
Um local associado com o Gilgal bíblico, perto de Jericó (RGrobman/Wikipedia)
A equipe de cientistas, chefiada pelo Dr. Hezi Yitzhak, afirmou que o acontecimento se trata de um eclipse, e ele aconteceu exatamente em 30 de outubro de 1207 antes de Cristo, às 16:28 horas da tarde. Com base nos dados obtidos, eles descobriram que apenas um eclipse aconteceu entre os anos 1500 e 1000 a.C, o que coincide com a chegada dos israelitas no local onde ocorreu a batalha descrita na bíblia.

Se o sol parou, não deveria haver luz?

Um pequeno detalhe na tradução do texto bíblico tem confundido os leitores, o que rendeu algumas dúvidas e críticas sobre a descoberta, já que no eclipse a lua bloqueia a luz do sol, trata-se do termo “o sol parou”, ou “se deteve” (depende da tradução). Segundo os cientistas, no texto original a palavra equivalente seria “dowm”, cujo sentido correto é “tornar-se escuro”.
Ou seja, segundo o estudo publicado em uma edição da Beit MikraRevista para o Estudo da Bíblia e seu Mundo, o relato bíblico não se refere a um dia iluminado, mas sim escuro. Se essa compreensão for a correta, significa então que os israelitas venceram a batalha favorecidos pela escuridão e não pela claridade do sol.

Relógio do Juízo Final” marca dois minutos e meio para o fim do mundo

Os senhores da  Nova Ordem Mundial querem nos fazer passar por idiotas...

Cientistas dizem que não estávamos tão perto do fim desde 1984

Resultado de imagem para doomsday clock4

O Doomsday Clock ou Relógio do Juízo Final, em tradução livre, foi criado em 1947, quando o mundo vivia a Guerra Fria e o temor de novos ataques nucleares como os que puseram fim à 2ª Guerra Mundial dois anos antes. Um grupo de cientistas da Universidade de Chicago, Estados Unidos, calculava então que o mundo estaria, em contagem simbólica, a sete minutos para a meia-noite, a hora final da humanidade.
Desde então, os ponteiros desse relógio foram movidos para a frente e para trás, dependendo das políticas adotadas pelos líderes mundiais e a relevância de acontecimentos de escala global.
Anunciado anualmente pelo Bulletin of the Atomic Scientists, o relógio em 2017 está marcando dois minutos e meio para a meia-noite. Ele não estava tão próximo assim desde 1984. Durante o anúncio, parte da culpa dessa mudança foi colocada sobre Donald Trump que, segundo o comunicado, fez “irrefletidos comentários sobre o arsenal nuclear dos Estados Unidos”.

Professor Cria Curso Online p/ Bacharel Livre em Teologia com VÍDEO AULAS


Nos últimos dois anos, o relógio manteve-se parado nos três minutos para a meia-noite. Os especialistas que estabelecem a contagem alertavam apenas que a “probabilidade de uma catástrofe global era muito alta e que era necessário tomar decisões para reduzir os riscos de um desastre”. Neste ano, o Bulletin insiste que “o risco ainda é maior e a necessidade de agir mais urgente”.
Para os especialistas, também fizeram o relógio andar os programas de modernização do armamento nuclear de Coreia do Norte, Índia, Paquistão e Rússia. Curiosamente, o relatório não faz menção aos projetos do Irã, que recentemente comprou urânio suficiente para produzir 10 bombas nucleares.
Em 1991, quando EUA e URSS assinaram o Tratado de Redução de Armas Estratégicas, foi o mais distante que o relógio esteve da meia-noite. Com informações de The Washington Post

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Illuminati e Trump

Sim, é verdade você leu o titulo a este "Trampa" é mais um ligado á Nova Ordem Mundial. Além de um Magnata milionário que roubou seu pais legalmente para chegar onde chegou agora vem com novas retóricas de merda, como legalizar a tortura  e  fazer um muro entre o México e USA.
Bem essas cenas de novela desagradável  irão continuar e enquanto isso deixo ai um video interessante de um Ser Reptiliano se fazendo passar por guarda-costas do dito cujo...
Acreditar ou não cabe a si.


Portais Dimensionais

O Acesso de Entidades Negativas para o nosso Mundo !
Resultado de imagem para portas dimensionais

Portais dimensionais: o acesso de entidades negativas para o nosso Mundo. A diferença entre as aparições de fantasmas e a presença de entidades escuras ou negativos é realmente muito simples. aparições de fantasmas são um padrão repetido de eventos que acontecem uma e outra vez da mesma maneira. Embora a presença de entidades das trevas de qualquer tipo são energias que estão separadas única e não repetem o mesmo padrão. Mas o que muitas pessoas estão perguntando é: Qual é a origem dessas entidades das trevas? Especialistas paranormais dizem que certas entidades escuras usam portais dimensionais ou espaços paralelos para a cessar nossa dimensão. Esses portais são realmente pequenos "buracos de minhoca". Eles podem estar em um campo, no parque, em casa, no escritório ou em um espaço público, como um banco ou mercearias, etc ... Eles podem até mesmo aberto nas igrejas.Entidades negativas, também chamadas de parasitas astrais entram na nossa dimensão a fim de prejudicar as pessoas, animais, plantas e lugares. Estas entidades escuras alimentam de emoções negativas e assim, estimulam as pessoas e animais para criar situações em que o "convidado" divulgados inadvertidamente IRA, medo, violência, tristeza, dor e outros sentimentos deste tipo. Estas emoções são o que as energias escuras usado para alimentar. Estes seres escuros estão em "nosso reino" por um tempo limitado, por isso é importante para detectar e traze-los de volta para onde eles vieram de outra dimensão. Depois de se livrar deles é encontrar os portais dimensionais abertos para impedi-los de voltar. Histórias antigas de entidades extra dimensionais sinistras As culturas antigas têm escrito sobre entidades demoníacas desde o início da história da humanidade. Foi dado muitos nomes diferentes, tais como asuras (Hinduísmo), Tzitzimime (astecas), Shayateen (Islam), os guardiões do submundo (no antigo Egito), Shedim (Judaísmo), alumínio (babilônicos e assírios) e é claro demónios (no cristianismo). Muitas destas culturas antigas possuíam praticantes esotéricos que foram capazes de encontrar alguma informação sobre estas entidades e reinos além utilizando técnicas que lhes permitiu sair e viajar para fora do corpo (chamado hoje EFC) . O que eles descobriram se tornou a base de conhecimento hoje. Eles entenderam a importância de despertar em outras dimensões, porque é parte da consciência, e ver além dos limites da percepção comum e é usado para descobrir informações sobre estas entidades e como elas influenciaram além do nosso conhecimento. O que foi descrito foi que essas entidades das trevas que atormentam as pessoas com a capacidade de estender o mal e caos no mundo, vivendo em regiões escuras conhecidas como o inferno dimensões inferiores.
Resultado de imagem para portas dimensionais Entidades demoníacas trabalhando activamente para influenciar a sociedade Aqueles que testemunharam o surgimento de seres demoníacos em nossa realidade usando portais dimensionais asseguram que muitas das entidades escuras têm funções específicas e trabalham em conjunto em uma hierarquia do mal em outras dimensões. Os demônios antigos tiveram papéis importantes e agora não precisam mais de um corpo físico. Eles são parte de uma estrutura do mal que se espalha seus tentáculos das regiões dimensionais mais sombrios para o mundo físico. Eles trabalham através de sociedades secretas escuras, que secretamente executam certas religiões e assim, começam a comunicar com um grande número de pessoas aqui na Terra que estão passando pelo processo de despertar no escuro. Esses discípulos da escuridão estiveram usando certas técnicas para obter conhecimento das entidades demoníacas e assim, trabalham com uma enorme inteligência maligna em uma agenda que remonta a milhares de anos. Uma parte fundamental da sua existência em nossa realidade é espalhar mentiras, desinformação, o caos e a intolerância. Eles não querem que as pessoas a despertem espiritualmente à luz, ou que as sociedades espirituais para contrariar a sua influência. De acordo com especialistas no assunto, esses seres escuros vem raptar e manipular símbolos espirituais e até religiões, atraindo as forças da luz e, em seguida, usá-los em favor da escuridão. Graças aos portais dimensionais pode controlar políticos, celebridades, governos, organizações criminosas e grandes corporações. Eles usam fraqueza e falhas humanas, como a ganância, ignorância, cobiça e violência para atrair, controle e escravizar seus fantoches, bem como as massas. Como fechar um portal dimensional? Como é importante para detectar um portal dimensional é também primordial. Elise Defer conhecido aconselhável psíquica para usar um campo de contenção chamado de "Chama Violeta", uma essência de luz espiritual. Onde há um portão aberto, onde os seres escuros acessam nossa realidade vai fechar com esta técnica. De acordo com as diretrizes estabelecidas pela Elise, em primeiro lugar nós invocamos nossos anjos da guarda. Então, olhamos para o portal. Isso pode ser feito remotamente no caso de uma pessoa psíquica. Outros usam varinhas mágicas ou um pêndulo. Estas ferramentas vão confirmar a localização do portal aberto. Geralmente portais são moldadas tornado ou vórtice. Estas giram em sentido anti-horário para horário. Para fechar, visualizar a "Chama Violeta" virar à direita, como um redemoinho. Este é o sentido oposto da sua rotação natural. Sem parar de ver essa ação até que o (o portão) se torna pequeno ponto pouco a pouco então finalmente se vai. Há pessoas que colocam um cianita pedra ou cristal turmalina negra em cima de onde o centro do vórtice foi. Eles deixá-lo lá por um par de horas para evitar a reabertura do portal. Isto nem sempre é necessário. Para confirmar o encerramento você pode consultar a vara de radiestesia ou pêndulo. E não podemos esquecer de agradecer aos nossos anjos da guarda. Embora existam esses portais a realidade é que o nosso planeta tem permitido a entrada do mal porque a consciência humana tem permitido. Mas também deve ser claro que dentro de cada um de nós é a verdadeira chave para erradicar todo o mal. E lembre-se: Onde há luz, há escuridão.

Forças iraquianas recuperam túmulo do profeta Jonas

Jihadistas dominavam o local desde a ascensão do Estado Islâmico

Em julho de 2014, as forças do então nascente Estado Islâmico dominaram a cidade de Mosul, no Iraque. Além de destruir 11 igrejas, atacaram o túmulo do profeta Jonas.
Chamado de Younis em árabe, o local atraía visitantes e ficava dentro uma mesquita que levava o seu nome.
Esta semana, após mais uma investida das tropas iraquianas, foi recuperado o controle da região. A maioria dos jihadistas abandonou Mosul após um conflito que durou meses e contou com o apoio aéreo da Rússia.

Professor Cria Curso Online p/ Bacharel Livre em Teologia com VÍDEO AULAS


“Reassumimos o controle da zona de Nabi Younis. Erguemos a bandeira iraquiana sobre a tumba”, afirmou Sabah al-Noman, porta-voz do Serviço Iraque de Luta contra o Terrorismo, que lidera a ofensiva militar em Mosul.
O local do túmulo, erguido no século VIII a.C. deverá ser reconstruído nos próximos meses.    Ele está entre as dezenas de locais históricos destruídos ou gravemente danificados pelos soldados do Estado Islâmico, que os consideravam local de idolatria.

Após intensos combates, que custaram a vida de muitos civis, o tenente -geral do exército iraquiano, Talib Shaghati, disse que em breve eles retomarão a porção ocidental da cidade, que ainda está na mão de grupos terroristas.

Com informações de CBN a ascensão do Estado Islâmico

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Illuminati no Vaticano Papa Ordena !!!!????

Cada vez mais nota-se que o PAPA em questão, não passa de mais uma marioneta da Nova Ordem Mundial, desta vez eliminando pessoas do seu caminho, que por mais voltas que se de minha cabeça não entendo como mais ninguém vê o que esta acontecendo. 
Braço-de-ferro entre Francisco e o grão-mestre da ordem durava desde o início de Dezembro.  (Segundo os midia da nova ordem) Em causa está a desobediência a uma decisão papal...
Em rota de colisão com o Vaticano, o líder da ordem dos Cavaleiros de Malta, Matthew Festing, resignou hoje ao cargo, depois de o Papa o ter obrigado, a demitir-se.
A situação é inédita e ridícula, já que a posição de grão-mestre dos Cavaleiros de Malta é geralmente assumida por toda a vida, e parece indicar um conflito mais profundo no seio do Vaticano, onde os ventos de falsa modernidade defendidos por Francisco têm colhido resistências crescentes junto das correntes mais "conservadoras".
O braço-de-ferro entre Matthew Festing e o Papa Francisco arrastava-se desde Dezembro depois de um dos cavaleiros de topo da ordem ter sido demitido por ter permitido a utilização de preservativos num projeto no âmbito da saúde destinado aos pobres.
Acha mal o uso de preservativos?
Albrecht Freiherr von Boeselager, que ocupava o cargo de Grande Conselheiro na ordem, apelou ao Papa depois de ter sido destituído por Festing no início de Dezembro e Francisco criou uma comissão para analisar a situação.
Num desagrado claro, o grão-mestre da ordem criticou a decisão papal, considerando a comissão ilegítima, e nomeou a sua própria comissão. Ontem, a poucos dias de a comissão do Papa dar o seu veredicto sobre o caso, Mathew Festing foi chamado por Francisco, que o ordenou a demitir-se.
Festing demitiu no início de Dezembro o cavaleiro alemão von Boeselager, alegando que ele tinha autorizado a utilização de preservativos e omitido essa informação. Este, por seu turno, garante que a questão foi apenas uma desculpa para o seu afastamento e o fortalecimento do poder de Festing, que o cardeal Raymond Leo Burke, por seu turno, apoiou. Ultraconservador, o cardeal tem criticado publicamente o Papa, acusando-o de ser desonesto.
Com este desfecho, Francisco parece ter conseguido, pelo menos por agora, fazer valer o rumo mais aberto que desde o início imprimiu ao seu papado, embora não exista com isto nenhuma alteração na posição do Vaticano sobre a utilização de preservativos o que para nos nao e  estranho...
A Igreja de Roma proíbe os preservativos como forma de controlo de natalidade e defende que a abstinência antes do casamento e a monogamia são as melhores formas de evitar a propagação de doenças como a sida. Ora para quem e tao liberal com o nosso "queridinho papa", estas ideias e actos deixam muito a desejar.

O Filme Constantine

Não faz muito tempo vi alguém perguntando:

 "O que o filme Constantine tem de Oculto ?"
Capa do filme Constantine  Movie
Então Resolvi fazer um estudo e vir aqui trazer-vos no melhor Blog de Mistérios de Portugal... O que vi no filme e prestando atenção, tem muita coisa, mesmo muita... algumas coisas serão parecidas a de outros sites que por ai andam, mas eu não me limitei a copiar, mas sim a trazer muito mais.
Passo então a deixar aqui algumas das coisas que descobri, apenas informações que podem ser vistas com um pouco de atenção.
Constantine é um filme de 2005 uma adaptação para o cinema do personagem da DC Comics John Constantine, que fez um sucesso tremendo e de certo mudou e agradou tanto a religiosos, como pseudo magistas, estudantes de Ocultismo etc.

O filme começa:

"Quem possuir a lança do destino tem o destino do mundo em suas mãos" 

Logo de principio temos 2 homens  procurando algo em uma igreja, um vestido de vermelho outro de branco, o de vermelho acaba encontrando a lança do destino embrulhada  em uma bandeira Nazi...que por mais estranho que se parece, este achado da-se no México !?☹
Resultado de imagem para marca  da lanca no filme constantine
Vermelho no Ocultismo
É a mais forte das cores e seu grande impulso activo a faz predominar onde se encontra misturada à outras, impondo seu significado de firmeza e bravura. Em sentido negativo indica vingança e não ferocidade como normalmente se pensa. Dá sempre ideia de grande vitalidade que, ocasionalmente, pode redundar em excessos.
As tendências próprias do vermelho são: a paixão, o impulso, a resistência, proporciona valor, alegria de viver e amor à aventura. Por isso, aqueles que o preferem ou se sentem identificados com ele, devem saber controlar-se para que não se vejam exaltados por um excesso de vitalidade que lhes possa resultar fatalmente.

Branco no Ocultismo
Tem sido considerado sempre o símbolo da pureza, contudo as pessoas influenciadas pelo branco se caracterizam por Ter uma mente isenta de complexidades. Trata-se mais de uma tonalidade neutra que depende muito das circunstâncias que rodeiam o sujeito e muito especialmente das cores que a acompanharem. Sua característica primordial será sua desesperante concentração pelos detalhes, por mínimos e poucos importantes que pareçam. Neste sentido costumam ser pessoas que dificilmente estão plenamente satisfeitas, porque quase nada as deixa contentes, mostrando-se muito pouco compreensivas das circunstâncias que ocorrem com as pessoas que os rodeiam

A Lança do Destino: Segundo a lenda "Um soldado pegou em sua lança e perfurou Jesus, e saiu sangue e água". «Contudo um dos soldados lhe furou o lado com uma lança, e logo saiu sangue e água.» (João 19:34)
 (Mateus - Cap. 27, Vs. 49/51)

Essa foi lança que perfurou o tórax de Jesus e foi banhada com seu sangue, a lenda diz que quem a possui-se ganharia o poder de conquista, segundo a lenda ela passou pelas mãos dos grandes líderes do mundo e que Hitler teria sido o último a te-la, isso explica porque ela foi encontrada enrolada em uma bandeira com uma suástica, no filme.
Nota: segundo se da a conhecer a "verdadeira" Lança teria voltado ao museu de Áustria, mas sabe-se também que Himmler, o locou Ocultista, braço direito de Hitler, fazia replicas idênticas de todas as peças que tinham haver com o Oculto ou espiritual, ela foi apreendida em nome do Reich. Ficou por 6 anos na Igreja de Santa Catarina até ser removida para um "local seguro", subterrâneo, pelo tenente Walter William, em 30 de Abril de 1945, coincidente ano em que Hitler perde a guerra e comete "suicídio".... Conclusão não se sabe se a Lança que se encontra na Áustria, seria a verdadeira ou não. Eu não acredito !!!

A marca
Quanto à marca que aparece depois no braço do individuo portador da  Lança, que foi associada ao selo de Mamon, faz lembrar um pouco a famosa marca de Caim imposta por Deus depois deste matar seu irmão, a verdade é que não há nenhuma explicação para a marca em si, mas estudando a minha Vulgata encontrei uma imagem engraçada ora veja-se  ... 
(O portador da lança que tenha um coração puro fará coisas boas, enquanto que um de coração impuro não trará nada de bom, dai vermos o efeito mortal nos búfalos, quando o portador da lança avança  pelo caminho os animais vão caindo mortos...)
Um círculo com uma cruz dentro, também o símbolo astrológico do planeta Terra. O símbolo também pode ser um círculo com um traço vertical e dois cortes horizontais, um em cima do outro. As vezes, a Terra é representada também com um circulo dominado por uma cruz. Aqui a matéria está acima e limita a acção do espírito.
Resultado de imagem para constantine mammon symbol Resultado de imagem para constantine mammon symbol

O táxi 
Em geral os táxis de Los Angeles tem a inscrição como o nome indica, mas no filme aparece bem diferente o táxi diz: "angel city"  cidade do anjo... interessante não?

Isqueiro: O Isqueiro e um possivelmente amuleto de Protecção.
Ele contem os símbolos da medalha de São Bento que protege de várias coisas, como acidentes e demónios contendo a conhecida oração de exorcismo de S.Bento...
Geralmente objectos em metais preciosos e outros dão bons amuletos.
A Cruz de São Bento não é um símbolo mágico que cancela cada dificuldade da nossa vida, mas um meio que pode ajudar a superá-la.
Para tirar os benefícios deste Crucifixo não basta fazê-lo benzer ou usá-lo como talismã, mas são proporcionais ao grau da fé e da confiança colocada em Deus e em São Bento.

Resultado de imagem para marca  da lanca no filme constantine

Amuleto Triquetra: O amuleto usado pelo amigo de John que morre Padre Hennessy e depois John passa para Angela  que o acaba deixando no carro se chama Triquetra, confundido com o Triskle/Triskele/Triskel, ele é usado para protecção, é um símbolo celta recheado de simbologia Rcunica que você já pode ter visto em algum site de Wicca, já que pode representar muitas coisas como a trindade, 3 estações do ano (primavera, verão e inverno), a deusa de 3 faces, perfeição, o infinito do universo, as 3 luas e muito mais.
Amuleto Triquetra
As medalhinhas:
Eu fiz uma procura sobre essas medalhas e embora não tenha ainda encontrado nada, desconfio que sejam medalhas hindus ou Indianas... se alguém souber deixe nas mensagens...

Espelho
Em certo momento John prende um demónio no espelho, isso tem muita relação com ocultismo, para muitos os espelhos servem como um portal para o plano astral, quando alguém morria em casa colocavam-se panos pretos nos espelhos para que a alma da pessoa não ficasse presa, também segundo alguns ocultistas os espíritos podem ser presos em espelhos. Também existe o costume no Japão das pessoas tamparem os espelhos com pano antes de irem dormir.
Imagem relacionada

Chão axadrezado  
O Xadrez simboliza a dualidade entre o Bem e o Mal, a escuridão e a Luz, vida e morte, a guerra entre Miguel e Satan, entre Balder e Lok, etc. A dualidade é um dos princípios do Hermetismo 
(Dualismo ou Polaridade).também muito usado pela maçonaria.


Botijas de agua:
Essas botijas de agua com cruz cravada, são agua benta serve como protecção e podemos vê-las junto as janelas  diversas vezes no filme...
Resultado de imagem para constantine filme

Água Benta: A água e a água benta são assuntos bem explorados no filme, a água é um elemento muito importante, e que de certo modo atrai as energias do ambiente para si, o próprio Jesus era chamado de a água viva (não no sentido animal), a água benta não só pode afastar criaturas nefastas como também pode curar, sempre ligada a Purificação, o baptismo cristão ocorre na imersão da pessoa na água.
Vemos John com as ampolas de água benta quando está no inferno e também muitos galões de água benta perto das janelas como visto a traz.
Resultado de imagem para agua benta em constantine

O Escaravelho na Caixinha: Na verdade deveria pode chamado de escaravelho ou Grilho, pois a  tradução correcta seria o escaravelho gritante... o escaravelho tem relação com os egípcios e remete á  protecção, e para eles era um símbolo sagrado e também de regeneração.
O cristãos também adoptaram-no como símbolo de regeneração, alguns padres e até um santo chamavam Jesus de "O Escaravelho Bom".
Resultado de imagem para besouro em constantine

O Computador Portátil 
Ângela chega  a casa e tem um laptop da Apple sobre a mesa, o símbolo da maça com a dentada é obviamente símbolo do pecado original 





















Elevador:
Numa das cenas Ângela diz a Constantine: "pare a porta, tu vais para baixo" e ele responde : Não se eu puder ajudar.... Na verdade Constantine referia-se ao ir a baixo como ir para o inferno ou ficar mal ... ele não fui completamente rude.















Gabriel asas negras 
Os anjos no geral tem asas brancas, Gabriel ao aparecer com asas negras á primeira vista não e bom sinal, concorda??? Ate mesmo vestindo o negro também.Nas restantes cenas as asas aparecem brancas...
Os Mestiços do filme são os Anjos caídos que foram lançados na Terra depois de serem expulsos do Céu. No Catolicismo, o Anjo Caído é um anjo que cobiçando um maior poder, acabou se entregando "às trevas e ao pecado." O termo "anjo caído" indica que é um anjo que caiu do Paraíso. O Caído mais famoso é o próprio Lúcifer, também conhecido como Satanás/Inimigo. A ideia de anjos caídos fornece a explicação para a existência do inferno e de demónio na religião católica.
Resultado de imagem para constantine gabriel wings
Referencia aos Illuminati
Logo de seguida Gabriel em conversa com Constantine diz saber o que ele deseja e este responde: Continuas mantendo o teu Olho que tudo vê ?!











Na cena onde John e Ângela se encontram na Igreja: Existe um quadro enorme mostrando a cena da qual Jesus é perfurado pela lança do soldado Longinos.
Imagem relacionada 

As paredes forradas a alumínio
Bem na verdade ninguém tem falado muito disso, mas o alumínio protege o nosso cérebro de ondas exteriores e aqui por mais que eu vos fale seria entrar em outros assuntos que remete á psicanálise... ai fica a foto para que conferirem 









Quando o demónio ataca John: Antes do demónio aparecer John vê um corvo passando a sua frente voando.

Em algumas culturas o corvo era conhecido como sinal de mau agouro que algo ruim que viria a caminho muito na Europa antiga... ainda na mesma cena um letreiro da Chevy tem escrito "your time is  running out" que significa O teu tempo está a acabar...um rato passa na estrada que significa a concretização de algo...

Quando Constantine começa a tossir um caranguejo sobe a sua mão:
John tosse por causa do seu "cancro" e um caranguejo simboliza o signo câncer, sendo que este também significa 2 passos para a frente 1 para trás....  
Depois temos um demónio que se apresenta revestido por diversos insectos (Insectos de modo geral, são atraídos por energias negativas. São também sinónimo de morte, pois o corpo em decomposição atrai moscas que deixam larvas para eclodirem, e ao fazerem isso, criam vermes - sinónimos de podridão) e inclusive serpentes, que desde sempre se sabe o simbolismo, mas
para mim existe algo mais como os olhos reptilianos num demónio que da muito que pensar... ou não.  ☺
(ATENÇÃO TODOS OS ANIMAIS SÃO BONS)

No Bar de PaPa Meia Noite: podemos ver vários tipo de criaturas, pelo menos foi o que me a apercebi, e novamente se repararmos bem existe um desses supostos anjos a comer carne humana... referencia reptiliana novamente?? Você decide.

PAPA Meia-Noiteé um Bruxo Africano  ligado ao voodoo, embora isso não pareça, um olho mais atento vê Papa com uma boneca de voodoo na mão,  ainda podemos perceber que ele é intitulado de "Papa" e também por usar um chapéu e fumar charuto, muito habitual nas religiões africanas, fora as estatuetas que se apresentam sobre sua mesa.

O Escorpião de Papa Meia Noite:  é outro dos símbolos  Zodiacais que aparecem durante o filme, porém não consegui encontrar os mais nenhum. O Escorpião em seu pingente simboliza entre muitos mais:as influências da água e do fogo exercidas através deste signo de elementos opostos, pois Escorpião, um signo aquoso, é governado pelo planeta Marte. Esta é mais uma indicação das propriedades místicas de Escorpião e do papel que ele tem na regeneração que precede a iluminação. A última só pode ser realizada depois que os princípios água e fogo tiverem chegado a uma união harmoniosa.
Papa Meia-Noite
A Cadeira eléctrica do Meia Noite: foi usada para execuções, objectos que tiraram vidas podem possuir uma energia poderosa, e podem ser usados para diversos fins mágicos.
A cadeira é da Prisão Sing Sing foi a terceira prisão construída em Nova York conta com mais de 614 homens e mulheres...  Constantine vira a cadeira para o Leste, onde o sol nasce.

Baltasar o demónio: por incrível que se pareça eu não o consigo encontrar em dicionários de demónios, embora eu tenha lido algumas baboseiras de religiosos fanáticos  dizendo que se tratava de um filho de Baal ... Really !?!?!? Bem não posso comentar, mas prometo procurar saber sobre essa ave rara, Baltasar.

Aranha no copo: Na Idade Média consideravam-se as aranhas como insectos benéficos, trabalhadores e portadores de boa sorte. Ninguém ousava deitá-las para fora das suas casas já que que acreditavam que com as suas teias ficavam com o ar purificado. Tanto para os hindus como para o povo judaico, a aranha foi desde sempre um símbolo de trabalho, de amor e de prudência, castigando se quem destruísse uma das suas teias. Na medicina popular a teia da aranha tem a capacidade de estancar hemorragias e de neutralizar algumas doenças

Angela vê algumas inscrições nas laterais da porta de John: No passado a parte que era mais protegida nas casas eram as portas e janelas, eram comuns inscrições, ervas amarradas e outras coisas.
Vemos na lateral da porta o número 91, quem sabe seja referente ao salmo 91, que é referente a protecção de Deus

Resultado de imagem para besouro em constantine


Buda e Jesus: Um pouco antes dos demónios aparecerem podemos ver que um lado da rua onde aparentemente é uma igreja: "igreja do Sangue de Cristo", vemos muitas vezes escrito o nome de Jesus, até ai nada de interessante, fica visível por um bom tempo, mas se prestarmos atenção na rua a frente, escrito "Botânica Buda" e em baixo um desenho dele, de um lado Jesus e do outro Buda, um frente a frente .

O Gatinho: Os gatos são seres místicos e segundo os Ocultistas podem "andar" ver os dois mundos, físico e astral, John usa o gato e a água como condutora para ir para o inferno.
Os gatos ainda tem muitos outros significados místicos e eram muito adorados pelos egípcios, mais tarde na Europa medieval muito relacionados a bruxas e mortos na Inquisição . 
Resultado de imagem para imagens do filme constantine
Sobre Tempo no Inferno: John diz que 2 minutos no inferno duram uma eternidade, isso também é confirmado por pessoas que se protejam no plano astral, onde alguns dizem passar dias no astral enquanto ficaram apenas algumas horas dormindo, algumas vezes o tempo acaba sendo bem mais curto.
Embora John tenha se teleportado para lá, caso contrário não levaria as ampolas de água benta. Também os antigos diziam que 1000 anos na terra são equivalentes a 1 dia no Céu.
Resultado de imagem para relogio de bolso tumblr

O 666 : esse símbolo aparece como mensagem subliminar numa das paredes Bwoling...
O número 666 que aparece no Apocalipse, "Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis." , já foi motivo de muitos artigos escritos. Muitos estudiosos tentaram dar uma explicação foi uma prática de muitos que arriscaram associá-lo a pessoas desde o papa, até o presidente dos Estados Unidos. No meu modo de pensar, acredito que esta forma usada para fazer isso é um tanto forçada. Dar valor numérico às letras, depois somá-las; enfim, dá para se achar 666 em quase qualquer nome. Mas uma resposta assim formulada permanece no campo das hipóteses







A Bíblia infernal: Na verdade não existe uma, existe sim, um pequeno livro denominado de Bíblia Satânica, escrito pelo satanista Anton LaVey em 1969. Contêm uma colecção de ensaios, observações e rituais mágicos que formam a base do Satanismo de LaVey  e que enfatiza Satanás como o deus dos Satânicos... 

 Resultado de imagem para biblia inferno constantine


O abrir de olhos: a seguinte imagem demonstra a passagem de Ângela, das trevas para a luz, antes mesmo da banhoca vestida em que ela visita o inferno e explode com a banheira... heheeh

Quanto ao banho, eu não vou falar nada pois já esta tudo explicado, seus perversos...☺










A arma de John: Além das munições conterem várias coisas que "potencialmente" fazem mal a demónios como prata a arma é em forma de Cruz e montada de diferentes peças, mas não esqueça que esta arma assim como o bafo de dragão são meramente ficcionais foram elaborados apenas para o filme.
Resultado de imagem para imagens do filme constantine
A soqueira: Não é muito difícil de ver que a soqueira que John usa em Baltazar tem vários símbolos, o da cruz e também tem algumas outras inscrições em Latim, mais propriamente dito nomes de Deus, também em aramaico.
Não deve ser novidade para você que inscrições em objectos podem trazer "atributos" mágicos.
Curiosidade: Existem vários sites pelo mundo que vendem replicas dessa soqueira também conhecido com soco inglês.
Imagem relacionada

Diabo Vestindo Branco: existe uma frase que diz, o Diabo veste prada justamente por ter sido um anjo de Deus, ou seja na teoria ele não teria perdido o "habito" de anjo e lembrando que o Diabo com cornos, vermelho e com rabo comprido é mera criação da igreja baseado no deus Pan pagão .

Curiosidades:
As Orações: Sabia que as orações utilizadas no filme foram sempre em Latim? Pois é, desde a oração do Papa Meia Noite até mesmo o exorcismo que Constantine e Chaz fazem á  Ângela.

Nomes: Um dos Apelidos de John na banda desenhada é "O mago inglês" o mesmo de Aleister Crowley, se formos ver a soma do número das letras dos 2 primeiros nomes de ambos temos 15. 

JohnConstantine: 15
AleisterCrowley:15

E se somarmos 1+5 temos 6, lembra o 666 não é? Não é invenções esse modo de somar é muito usado e os escritores de banda desenhada como Alan Moore sempre põem significados ocultos nos nomes.

Imperador Constantino


John: Em português João, nome bíblico.
  
Constantine: Em Português Constantino, sobrenome do herói do filme, o nome do Imperador romano que supostamente se converteu ao cristianismo, imperador Constantino Magno ou Constantino, o Grande.
Outros nomes: Miguel, Angela, Balthazar, Gabriel, Isabel. É mais difícil encontrar um nome que não seja bíblico ou que não tenha um significado ligado a Deus.



Isabel a irmã gémea de Ângela - a detective, era uma médium poderosa que se suicidou e assim desencadeou a busca da verdade sobre os fatos espirituais que estavam acontecendo.
Isabel: significa "pura".E Ângela: "anjo".Pelo número do quarto de Isabel podemos obter a seguinte soma:"427"4+2+7 = 1313 é o número da carta da Morte no Taro. Logo a morte dela era algo previsível.


A Cadeira eléctrica do Meia Noite: A cadeira foi usada para execuções, objectos que tiraram vidas podem possuir alguma energia poderosa, e podem ser usados para diversos fins mágicos.
A cadeira é da Prisão Sing Sing foi a terceira prisão construída em Nova York conta com mais de 614 homens e mulheres... Ele vira a cadeira para o Leste, onde o sol nasce.


Resultado de imagem para constantine chair

Símbolo (tatuagens) que é formado quando John junta os braços:

Enxofre da Perfeição Enxofre dos Sábios
Muita gente ficou curiosa para saber qual o significado da tatuagem de Constantine, o símbolo é um símbolo Alquímico chamado "Enxofre da Perfeição", "Enxofre dos Filósofos", "Rei Vermelho Perfeito" o símbolo aparece na penúltima etapa de um processo alquímico.
O enxofre tem muita ligação com entidades ruins, isso porque supostamente o inferno tem muito enxofre, além disso se fala muito sobre o enxofre no filme e aparentemente John o usa a tatuagem para atrair Gabriel, a tatuagem é um símbolo alquímico do século XVII criado por Eugenius Philalethe, pseudônimo do alquimista Thomas Vaughan.

O símbolo que na realidade remete ao "Rei Vermelho" processo alquímico que representa o masculino (Enxofre) que seria unido com o feminino (Mercúrio).Embora eu acredito que quanto a Alquimia, a maior parte do seu simbolismo morreu com os verdadeiros alquimistas.
Speculum Veritatis














Mas, após ver uma das cenas cortadas do filme fica explicito que a tatuagem serve para levar as almas para o céu, por isso ele diz: "eu te ordeno a vires a luz", existe uma cena cortada que quando John e Angela encontram Beeman morto John faz a mesma coisa. Quem alugar o DVD pode ver as cenas cortadas e o director explicando, ou seja: o símbolo foi escolhido aleatoriamente.


Constantine Unindo os Braços

Mamon Demónio?
"Mamom" (מָמוֹן), que significa literalmente "dinheiro". Mamon representa o terceiro pecado, a Ganância ou Avareza, também o anticristo, devorador de almas, e um dos sete príncipes do Inferno. Sua aparência é normalmente relacionada a um nobre de aparência deformada, que carrega um grande saco de moedas de ouro, e "suborna" os humanos para obter suas almas. Em outros casos é visto como uma espécie de pássaro negro (semelhante ao Abutre), porém com dentes capazes de estilhaçar as almas humanas que comprara.
Mamon foi também citado na bíblia na época de Jesus "Nenhum servo pode servir dois senhores; porque, ou há de odiar um e amar o outro, ou se há de chegar a um e desprezar o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom"  Luc. 16:13 
e na verdade não há certezas de ser um deus, mas esta relacionado ao dinheiro e riquezas (coisas materiais), na verdade não tem nenhuma relação a Satanás, no filme ele é filho dele.

Embora alguns defendam que Mamon não foi um deus, apenas uma má interpretação bíblica em relação a palavra para "riqueza".



Gabriel: Teoricamente anjos não tem sexo, a aparência de Gabriel lembra isso no filme, por outro lado aparentemente é como se tivesse os 2 sexos, um lado do cabelo é curto outro lado é comprido.
No final Lucifer vai atacar Gabriel e diz: Perdeu a protecção?
Isso ocorre porque Deus tirou a protecção, é facto, mas um termo na bíblia se encaixa muito bem nessa parte: "Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou odiará a um e amará a outro, ou se prenderá a um e desprezará o outro. Não podeis servir simultaneamente a Deus e a Mamon. (S. LUCAS, cap. XVI, v. 13.)"


As fitas: muitos devem se perguntar depois de ver o filme sobre essas fitas nos pulsos de Gabriel, bem é simples Gabriel esteve sempre por trás da tramóia de trazer Mamon ao nosso plano e como tal ele tinha de se manter perto de Isabela sem que ela desconfia-se dele assim ele se utilizava de outros pacientes dai as fitas.

Gabriel Tilda Swinton:


Observações: O filme e bom? Sim e muito bom no meu ponto de vista, mas podia ser melhor, muitas coisas no filme ficam a desejar mais info, infelizmente, mas tem imensas coisas boas como a mensagem de que fumar mata e que o suicídio não traz nada de bom... As coisas mais complicadas seria, as historias de Gabriel, Baltazar e do ajudante Chaz...quase esquecia que o papel do padre também ficou por esclarecer um pouco mais.
Na verdade o filme deu tantas voltas que muitas coisas ficaram apenas jogadas em pleno ar, mas pronto não deixou de ser um bom filme... Deixe o seu comentário  do que achou da nossa postagem e ainda do filme ...

Por: Emanuel GM


Ciencia

Ciencia